Eurico leva um tiro e pode ficar sem sua fortuna em 'O Sétimo Guardião'

Prefeito é alvejado por Sampaio, após Olavo descobrir que ele conversou com Gabriel

Redação Integrada

Eurico (Dan Stulbach), que foi um dos guardiães da novela das nove, leva um tiro e fica entre a vida e a morte no penúltimo capítulo de 'O Sétimo Guardião', que termina na sexta. Quem atira nele é Sampaio (Marcello Novaes). Aconselhado por Marilda (Letícia Spiller), o prefeito procura Gabriel (Bruno Gagliasso) para contar sobre os planos de Olavo (Tony Ramos) e leva um tiro a mando dele.

"Vai lá e dá um tiro naquele cachorro!", ordenará o personagem de Tony Ramos a Sampaio. "Não gosto de matar ninguém pelas costas!", falará o delegado, com a arma apontada para Eurico. O político se virará bem na hora e levará um tiro no ombro.

Ao ver o marido sangrando, Marilda cai em prantos. "Me perdoa, eu não devia ter te pressionado, a culpa é minha", diz ela. "Não, Marilda, eu é que fiz tudo errado e agora estou pagando por isso... vou morrer sangrando feito um porco!", responde Eurico.

Geando (Caio Blat) chamará a ambulância para levar o pai, que será acompanhado por Marilda. "Não se preocupa, não vou te largar nunca! Pra onde você for, tua esposa vai contigo!", dirá ela, comovida. "Até pra cadeia?!", perguntará. "Bom, meu amor, isso aí na hora a gente decide", responderá ela.

Depois, o prefeito tem alta e descobre que a mulher entregou todo o dinheiro deles para um doleiro. "Scarlet me garantiu que o doleiro é seguríssimo! Pra ter uma idéia, o escritório dele fica num posto de gasolina...", diz ela. Ele fica em pânico: "Ai, meu Deus! Se for igual aqueles de Brasília estamos perdidos!".

Televisão