Mostra 'Primeiros Passos' revela talento de artistas iniciantes

Exposição com os melhores trabalhos será aberta nesta terça-feira, 12, na galeria de arte do CCBEU

Ana Carolina Matos

Realizado há 28 anos, o Salão de Arte Primeiros Passos, do Centro Cultural Brasil Estados-Unidos (CCBEU), tem vernissage hoje, 12, às 19h, na galeria de arte da instituição.

O evento também será palco da premiação dos três artistas que foram escolhidos pelo júri como primeiro, segundo e terceiro lugar: Rafael Matheus Moreira Monteiro, Maria Itatiane da Silva Moraes e Daniela Carvalho de Almeida, respectivamente. Além disso, serão apresentados também os trabalhos dos mais de 30 artistas que integram a mostra. 

Integrante do júri ao lado de Erinaldo Cirino e Valério Silveira, Pablo Mufarrej explica que a edição 2019 teve uma quantidade expressiva de inscrições - 70 no total - em relação aos outros anos. "Esse ano tivemos um bom número de inscritos e um nível alto das obras. Nosso principal critério foi a qualidade destes trabalhos, as referências e originalidade também", explica.

A obra de Maria Itatiane da Silva levou o segundo lugar na mostra Primeiros Passos, do CCBEU (Divulgação)

"A gente leva muito em consideração o fato de ser um salão de primeiros passos e com base nesses critérios a gente faz a seleção, privilegiando àqueles que estão no início de uma formação, não de acordo com a idade, mas de acordo com a trajetória", pontua.

Mufarrej destaca ainda a importância do evento que, de certa maneira, abre oportunidades e revela talentos artísticos da região. "É uma mostra competitiva que estabelece um inventivo para as novas gerações. É um salão importante para a produção emergente e também é uma forma de consolidação dessas pesquisas iniciais no campo das artes. Além disso, é positivo destacar a questão da longevidade, da permanência e do incentivo de iniciativa privada", conclui.

Com as obras "Era uma Diva", "Se Tu Correr..." e "É Muito Pequeno", ambas de 2019, o artista Rafael Matheus Moreira Monteiro foi escolhido como o primeiro lugar entre os expositores. As pinturas refletem relatos "viscerais", como o próprio autor classifica, das experiências de dor, exposição e violência da travesti Poliane pelas esquinas da rodovia BR-316. "Ela me contou relatos sobre a vida dela enquanto prostituta e travesti e são relatos muito viscerais, conturbados da vida na noite", explica.

Tela assinada por Daniela Carvalho de Almeida ficou em terceiro lugar na mostra (Divulgação)

Ele - que também é travesti, mas prefere ser tratado no gênero masculino - lembra que cresceu em um ambiente que, de certa maneira, crucificava pessoas em situação similar de Poliane, mas que, com o trabalho na pintura, que iniciou em 2016, passou a se identificar. "Eu fui me descobrindo enquanto fazia essas pinturas", relembra.

Rafael diz ainda que a ideia principal do trabalho é dar condições para que as travestis sejam ouvidas. "Minha ideia é visibilizar esses relatos que acontecem na noite e ficam na noite. A intenção desses trabalhos é dar visibilidade à essas narrativas das travestis que se prostituem", pontua.

Segundo o artista, fazer parte desta mostra é adentrar um espaço negado às travestis. "Esses corpos não têm direito de entrar numa galeria de arte. Sempre que conseguem, existe um polimento, passa por uma curadoria. Eu fiz essas obras pensando naquilo que poderia me identificar enquanto pintura e linguagem. Então eu não tava esperando ser selecionada, mas fiquei muito feliz. A ideia é justamente conseguir impulsionar o trabalho", conclui. 

Além dos premiados, o Júri decidiu dar  duas menções honrosas para Mauricio Igor Neves Almeida de Almeida (fotografia) e Luiza Brilhante Bezerra (instalação). A exposição segue até o dia 12 de dezembro, na galeria de Arte do CCBEU.

Agende-se

Vernissage do salão de arte Primeiros Passos
Data: terça-feira, 12, às 19h
Local: Galeria de Arte do CCBEU (Tv. Padre Eutíquio, 1309)
Visitação: até dia 7/12, de segunda a sexta, de 14h às 19h e aos sábados, de 9h às 13h
Informações: (91) 3221.6143

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM CULTURA