Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Alcyr Guimarães ganha tributo em álbum de música digital; ouça

O álbum “A música da minha alma” está disponível a partir de hoje em todas as plataformas digitais

O Liberal

Será lançado hoje (28), em todas as plataformas musicais, o álbum “A Música da minha alma”, em tributo ao cantor Alcyr Guimarães, que faleceu em fevereiro do ano passado. O álbum reúne grandes sucessos do cantor que ficou conhecido pelas obras "Boi do céu", “Tiempo de Flores”, “Do rancho" e "Ausência”. Foi responsável pela produção de 250 discos, além de ter gravado mais de 500 músicas.

Para Betinho Taynara, produtor do disco e amigo de Alcyr, ter participado desse projeto foi uma experiência emocionante e honrosa. “Não foi um projeto fácil. Nós começamos o projeto antes do falecimento do Alcyr, ele sempre escrevia as músicas e nos mandava. Fazíamos as avaliações e pré-selecionávamos as músicas a serem gravadas. E durante esse processo, ele adoeceu. Então adiamos algumas coisas e tivemos que repensar todo o projeto. O projeto seria todo de músicas inéditas, mas com o falecimento dele, conversamos com os demais responsáveis e redefinimos. Assim chegamos na ideia de fazer uma grande homenagem, unindo grandes clássicos dele. Eu me sinto muito honrado em ter feito parte desse projeto”, afirmou.

Ouça A música da minha Alma

O produtor destacou ainda os percalços de se fazer o projeto no meio da pandemia do novo coronavírus. “Nossas reuniões foram todas onlines. Quando íamos ao estúdio sempre nos protegemos, com o uso de máscara, sempre no álcool e com todas as medidas de segurança recomendadas”. Betinho explica que até para achar fábrica do disco em São Paulo foi complicado. “No final, deu tudo certo graças a Deus”.

Betinho ressalta que produzir o álbum em homenagem ao Alcyr teve uma emoção a mais. “O Alcyr era como se fosse um pai pra mim. A emoção foi grande, não faço ideia como vai ser quando eu pegar o trabalho físico nas mãos. Ele era uma pessoa extremamente carinhosa, nos falávamos todos os dias então é um orgulho enorme lançar esse trabalho. Até hoje, um ano depois, eu sinto muita falta dos conselhos dele”, relatou emocionado.

Segundo Fernanda Sequeira, filha de Alcyr, o momento é de agradecimento e emoção. “Como filha desse cantor maravilhoso e admiradora da música popular paraense, considero uma honra ter participado efetivamente deste projeto que eternizará o seu legado. Espero que logo, toda a discografia dele esteja disponível nas plataformas e que suas canções sejam acessíveis a todos. Aproveito para agradecer a todos que de alguma forma, contribuíram com este projeto”, destacou orgulhosa.

O projeto conta com a produção executiva da professora Andrea Amora, direção artística da Fernanda Sequeira, produção musical de Betinho Taynara. “Tive ajuda na escolha do repertório do Maurício Nery e da Leila Tembra, além da digitalização de Jacinto Kawage. Foi um belo trabalho em equipe, o álbum está lindo”, explicou Betinho.

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA