Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Mãe de Paulo Gustavo critica veto de Bolsonaro à lei que leva nome do ator

Déa Lucia se pronunciou em seu Instagram. Incentivo ao setor cultural previa repasse de mais de R$ 3,8 bilhões aos estados e municípios

Painah Silva

Após a notícia que o Presidente Bolsonaro vetou a lei Paulo Gustavo, de incentivo ao setor cultural que previa repasse de mais de R$ 3,8 bilhões aos estados e municípios, Déa Lucia, mãe do humorista se pronunciou.

VEJA MAIS

Paulo Rocha sobre veto de Bolsonaro ao projeto que cria Lei Paulo Gustavo: 'argumentos pífios'
Senador paraense foi o autor da proposta que previa repasse de recursos federais a estados e municípios para o enfrentamento dos efeitos da pandemia da Covid-19 sobre o setor cultural

Presidente Bolsonaro veta Lei Paulo Gustavo, que previa R$ 164,8 milhões para a cultura do Pará
Proposta de autoria do senador Paulo Rocha foi aprovada no dia 15 de março, pelo Senado

"Que mico hein", escreveu Déa no Instagram, na legenda de uma imagem em que se lê, sobre a fotografia do Presidente da República: "Você será vetado", continuou.

Após a decisão, Bolsonaro argumentou "contrariedade ao interesse público". O presidente afirmou que a concessão do benefício impactaria significativamente o erário e "incorreria em compressão das despesas discricionárias que se encontram em níveis criticamente baixos".

Entenda a proposta da lei

A proposta garantia o investimento de R$ 2,79 bilhões ao setor audiovisual e R$ 1,06 bilhão para outros projetos culturais. O objetivo era trazer um alívio econômico ao setor, duramente afetado pela pandemia. O PL já havia sido aprovado no Senado, em novembro do ano passado, mas voltou à Casa após sofrer alterações na Câmara. Desde o dia 15 de março, ele aguardava a sanção presidencial.

O projeto foi batizado em homenagem ao humorista Paulo Gustavo, que morreu por complicações da Covid-19.

(Estagiária Painah Silva, sob supervisão da Coordenadora de Conteúdo de Cultura, Sonia Ferro)

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA