Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Jojo Todynho quer engravidar e rebate preconceito: 'Mulheres gordas têm vida sexual ativa'

A funkeira, que pretende engravidar no próximo ano, vai reabrir seu canal no Youtube para debater sobre a sexualidade de mulheres gordas e a "preparação" para conceber o primeiro filho

Amanda Martins

Na última quarta-feira (12), Jojo Todynho revelou que pretende engravidar no próximo ano. A funkeira afirmou que irá “reabrir” seu canal no Youtube e dividir com os fãs as etapas que vão anteceder a vinda do bebê. Na plataforma, ela quer criar um reality pessoal e compartilhar o dia-a-dia de um projeto fitness que irá começar a fazer para perder peso, e assim, começar a planejar o primeiro filho com o esposo, o oficial do exército Lucas Souza.  

VEJA MAIS

Jojo Todynho afirmar querer perder 40 quilos em seis meses para engravidar; meta é possível?
A cantora vai realizar um reality pessoal no Youtube onde postará vídeos sobre o projeto

Rolon Ho e Jojo Todynho passam para próxima etapa na Dança dos Famosos
Após três apresentações, duplas precisavam de pontuação alta para não caírem na repescagem

Paraense Rolon Ho e Jojo Todynho agitam a web em estreia no 'Dança dos Famosos'
Uma das juradas artísticas dessa estreia, Fátima Bernardes elogiou a performance da cantora

Entrevista a atriz Deborah Secco, no Baile da Vogue 2022 - que ocorreu no mês de abril -,  a cantora contou que a sua proposta é compartilhar a sua rotina, mas também “quebrar” o preconceito de que “mulher gorda não tem vida sexual ativa”. Assista ao vídeo:

Jojo também opiniou sobre a importância da representatividade de mulheres gordas e negras na moda. A funkeira - que nunca teve vergonha de mostrar seu verdadeiro corpo - sabe que não pode “levantar a bandeira” sozinha, mas sente-se orgulhosa pelo espaço que conquistou.  

“Eu me represento e tem mulheres que se identificam e se inspiram em mim. Não posso levantar a bandeira, e carregar o fardo que é muito pesado, de falar que eu represento a mulher brasileira. Eu me represento e meu padrão sou eu. Quando eu acho que vou ficar muito gostosa com um shortinho eu vou usar, independente dos julgamentos. Falo muito sobre a autossabotagem de querer ter o corpo do outro. Não. Você tem o seu corpo e se quiser fazer algo para melhorar isso, você pode fazer, mas não se comparar a outra mulher. E é por isso que a gente ainda vive essa rivalidade e esse machismo no núcleo feminino porque as mulheres querem sempre afrontar a outra e dizer que uma está melhor que a outra , concluiu. 

(*Estagiária Amanda Martins, sob supervisão da editora de OLiberal.com, Vanessa Pinheiro)

Celebridades
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA