'Sheik dos Bitcoins' é preso pela Polícia Federal suspeito de chefiar esquema de pirâmide financeira

O empresário Francisley Valdevino da Silva já chegou a brigar na Justiça com famosos, como Sasha Meneghel e Wesley Safadão; ele foi preso nesta quinta-feira, 3 de novembro, após descumprir medidas judiciais anteriores

Gabriel Mansur

A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira (3) o empresário Francisley Valdevino da Silva, também conhecido como Sheik dos Bitcoins. A instituição cumpriu nesta manhã, dois mandados de busca e apreensão, além de um mandado de prisão preventiva contra Francisley, suspeito de chefiar um esquema de pirâmide financeira disfarçado de aluguel de criptomoedas.

VEJA MAIS

image 'Sheik dos Bitcoins' diz que tentou acordo com Sasha e João e que problemas foram 'erros de gestão'
Francis da Silva está sendo processado pelo casal por danos morais e materiais após investimento de R$1,2 milhão sem retorno; o empresário também rompeu sociedade com o pastor Silas Malafaia

image Sasha Meneghel e marido caem em golpe e perdem R$ 1,2 milhão para o 'Sheik dos Bitcoins'
O golpe teria sido aplicado por Francisley Valdevino da Silva, conhecido como 'Sheik dos Bitcoins'; o homem havia prometido um retorno de 8,5% ao mês. O casal conheceu o homem em um culto evangélico

image Safadão alega ser vítima de golpe de R$ 37 milhões pelo 'Sheik dos Bitcoins'; entenda
O cantor fez investimentos na empresa do homem conhecido como Sheik dos Bitcoins e não recebeu retorno

Antes mesmo da prisão de Francisley, em Curitiba, no Paraná, a PF realizou mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao suspeito. Foram apreendidos dinheiro em espécie, barras de ouro, jóias, carros e até mesmo relógios de luxo. Segundo informações do jornal O Globo, Francis da Silva, como gosta de ser chamado, chegou a arrecadar aproximadamente R$1 bilhão, prometendo 13,5% de retorno mensal. 

Sasha Meneghel e Wesley Safadão já foram vítimas do Sheik 

Entre as possíveis vítimas do Sheik, a modelo Sasha Meneghel (24), e seu marido, João Figueiredo (23), além do cantor Wesley Safadão (34). O casal realizou vários investimentos que, somados, ultrapassaram R$ 1,2 milhão. Já o cantor cearense disputa na Justiça com Francisley a posse de um jato avaliado em R$ 37 milhões, que teria sido oferecido como garantia de pagamento por um investimento realizado na empresa do Sheik. 

Segundo a Polícia Federal, o empresário foi preso por descumprir restrições judiciais anteriores. Após o início das operações da Justiça, Francisley passou a se encontrar com funcionários das empresas investigadas em sua casa. Segundo a PF, os encontros demonstraram “que a organização criminosa continuava ativa e promovendo atos criminosos”. 

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL