CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Guitarrista da banda Afrocidade morre após ser espancado

Fal Silva tinha 32 anos e estava em uma pizzaria quando tudo aconteceu

Kamila Murakami / Especial para O Liberal
fonte

O músico Flávio de Oliveira da Silva – conhecido como “Fal Silva” - morreu após ser espancado, na noite desta sexta-feira (24), em Camaçari (BA), no bairro Novo Horizonte. A vítima de 32 anos era guitarrista da banda baiana Afrocidade. 
 
Em nota, a Polícia Civil informou que o caso vai ser investigado pela 4ª Delegacia de Homicídios (DH/Camaçari). "As guias para remoção e perícia foram expedidas e as circunstâncias, autoria e motivação do homicídio estão sendo apuradas", diz o texto. 

VEJA MAIS

image Caminhoneiro é encontrado morto ensanguentado com mãos e pés amarrados dentro do veículo
Família da vítima acredita que a motivação do crime se trata de vingança

image Corpo com sinais de espancamento é encontrado em Santarém
A suspeita da polícia é de que a vítima tenha sido desovada no local e morta em outra área

De acordo com informações divulgadas pelo jornal BA Meio Dia (TV Bahia), o músico estava em uma pizzaria quando quatro homens o chamaram. Ao sair para falar com eles, Fal começou a ser agredido. Algumas pessoas teriam tentado ajudá-lo, mas não conseguiram.

Em uma rede social, a banda lamentou a morte do músico. "Ainda difícil de acreditar, sentiremos muito sua falta. descanse em paz irmão", diz o post. 

Fal Silva estava no grupo musical desde a criação, no ano de 2011. A banda nasceu em Camaçari, cidade de origem dos músicos. 

Em uma nota de pesar, a produtora da banda, Isé Música Criativa, falou sobre a autenticidade do músico que "trazia a ousadia que casava com as vozes e a percussão". "Na banda, era considerado o 'violeira da maldade'. Quem acompanha o Afrocidade percebia o quanto ele vivia a música intensamente nos palcos e também fora deles". 

Torcedor do Bahia, Fal Silva foi o compositor responsável pela trilha sonora do canal “Hoje É Dia de Bahia”. Em nota publicada no site oficial o time lamentou a morte: "Todas as nossas condolências. Que descanse em paz", diz a nota. 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL