Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Criança morre após cair em buraco e ficar presa por mais de 17 horas

O menino chegou a ser resgatado com vida, mas acabou morrendo no hospital

Maiza Santos

Um menino chamado Pedro Augusto Ferreira Alves, de oito anos, morreu após cair em um poço de seis metros de profundidade e ficar preso no local por cerca de 17 horas. Apesar de ter sido socorrida com vida, a criança não resistiu aos ferimentos e faleceu após dar entrada no hospital local. A operação mobilizou cerca de 21 militares do Corpo de Bombeiros de Carmo do Paranaíba (MG), onde o acidente aconteceu.

VEJA MAIS

Criança que caiu em buraco de 8 metros é resgatada com vida após quase 18 horas
Caso aconteceu em Carmo do Parnaíba

Buraco gigante e misterioso surge no deserto do Atacama e preocupa autoridades
A cratera não oferece risco aos moradores e também não foi detectado nada dentro abertura no solo

Mulher é engolida por cratera após calçada desabar; vídeo
O buraco estava inundado de água e a mulher precisou ser retirada por pessoas que passavam pelo local do acidente.

De acordo com as autoridades, o acidente aconteceu ontem (21), por volta de 15h, e o resgate foi concluído às 9h45 desta segunda-feira (22). O menino brincava na região quando aconteceu o acidente. “O buraco tinha 8 metros e ele ficou preso a cerca de 6 metros, pela perna. Quando ele caiu, prendeu a perna e ficou sem movimentação. Foi esse o motivo dele não ter chegado até o fundo”, explica Thiago Lacerda Duarte, tenente-coronel do 12º Batalhão de Bombeiros Militar em Patos de Minas (MG).

Os policiais informaram que o terreno onde o menino estava é uma área de aterro, com solo instável. O local estava em obras e alguns tapumes obstruiam os buracos, mas não havia sinalização. “Havia uma preocupação de que o solo envolto pudesse cair sobre ele, então acionamos apoio especializado. Começamos a proteger a perfuração com uma tubulação e com um maquinário, que chegou por volta da meia noite|”, explicou Duarte.

Segundo o tenente-coronel, Pedro estava em parada cardiorrespiratória quando foi retirado do buraco. Uma equipe médica estava no local e conduziu o menino até uma UPA, onde ele recebeu atendimento médico especializado. Apesar dos médicos realizarem o procedimento, a criança não resistiu.

Os bombeiros ainda informaram que familiares do menino acompanharam o resgate durante toda a operação.

(Estagiária Maiza Santos, sob supervisão da editora Web de OLiberal.com, Adna Figueira)

 

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL