Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Covid-19: Anvisa aprova uso emergencial de medicamento molnupiravir

A nova droga liberada no Brasil funciona para reduzir as chances do vírus Sars-CoV-2 se multiplicar e se reproduzir no corpo. O fármaco já está em uso em outros 17 países. Veja em quais casos o molnupiravir é indicado

Rayanne Bulhões

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial do medicamento molnupiravir, da empresa Merck Sharp & Dohme (MSD), para tratamento da covid-19. O documento com a autorização foi divulgado nesta quarta-feira (4). O fármaco já está em uso em outros 17 países. As informações são da Agência Brasil.

De acordo com a Anvisa, o molnupiravir é um medicamento antiviral de uso oral, utilizado durante os cinco primeiros dias após o aparecimento dos sintomas. Pelos estudos e ensaios clínicos, em paciente com casos leves e moderados, o produto ajudou a reduzir os casos de hospitalização e mortes. A nova droga liberada no Brasil funciona para reduzir as chances do vírus Sars-CoV-2 se multiplicar e se reproduzir no corpo.

VEJA MAIS

Irmã de Paulo Gustavo acredita que sobrinhos veem o pai: 'papai veio visitar'
Juliana Amaral deu detalhes de como tem enfrentado o luto do irmão, que morreu há um ano, vítima da covid-19

Qual a indicação do medicamento molnupiravir contra a covid-19?

O medicamento é indicado para o tratamento da covid-19 em adultos que não requerem oxigênio suplementar, mas que tenham doenças ou condições clínicas que aumentam as complicações da covid-19. Vale reforçar que o molnupiravir não substitui a vacina.

Um ano da morte de Paulo Gustavo: humorista recebe homenagens neste dia 04 de maio
Canais de conteúdo programam homenagens ao humorista, que morreu ano passado de covid-19

Qual a contraindicação do medicamento molnupiravir?

A venda do molnupiravir será sob prescrição médica. Ela é recomendada durante a gravidez, a amamentação e em mulheres que podem engravidar.  Além disso, não deve ser utilizada nos seguintes casos:

  • Em pacientes com menos de 18 anos de idade:
  • Em mulheres grávidas;
  • No início do tratamento em pacientes que necessitam de hospitalização, uma vez que seus benefícios não foram observados em indivíduos quando o tratamento é iniciado após a hospitalização;
  • Por mais de cinco dias consecutivos;
  • Por  profilaxia pré-exposição ou pós-exposição para prevenção de covid-19.

Thales Bretas relembra morte de Paulo Gustavo no Mais você: 'parecia que ele tinha uma premonição'
Paulo Gustavo morreu no dia 4 de maio de 2021 após complicações da covid-19

Qual a dosagem do molnupiravir para pacientes com covid-19?

Nos adultos, a dosagem precisa ser de 800 mg – que correspondem a quatro cápsulas de 200 mg – por via oral, usadas a cada 12 horas, por cinco dias, com ou sem alimentos. O fármaco requer adequada dispensação farmacêutica, com orientações de que o medicamento é de uso individual e não pode ser repassado a terceiros.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL