Caso Eddy Jr: Câmera de segurança flagra vizinhos com faca em frente ao apartamento do humorista

No Instagram, o youtuber compartilhou o ataque racista por parte da moradora do seu prédio. Imagens do início de setembro mostram que a mesma mulher, acompanhada do filho, já o ameaçavam

Juliana Maia
fonte

Uma câmera do condomínio United Home & Work, em São Paulo, onde mora o humorista e youtuber Eddy Jr, flagrou momentos em que uma vizinha, ao lado do filho, estavam na porta do apartamento dele, portando uma faca e uma garrafa de vidro. As imagens são do dia 1 e 7 de setembro deste ano. No início desta semana, o artista compartilhou, no Instagram, um vídeo mostrando os ataques racistas que recebeu da mesma moradora, durante a madrugada de segunda-feira (17).

VEJA MAIS

image Humorista negro é vítima de ataque racista ao tentar usar elevador: 'cai fora, macaco'
O caso ocorreu no condomínio onde o jovem mora e foi registrado em vídeo

image Após Seu Jorge, Afonso Cappelo revela que também sofreu racismo em show em Belém
O cantor afirma que um homem mandou que ele deixasse o local e quase foi agredido: 'Não queria estar no mesmo ambiente que eu'.

image Manoel Soares se pronuncia após ataques racistas a Seu Jorge: ‘Não cabe mais protagonizar isso’
Durante a transmissão do programa “encontro”, o apresentador mandou recado para a população gaúcha

Nas imagens, obtidas pelo portal g1, é possível ver o momento em que o filho da vizinha chega em frente ao apartamento do humorista segurando a faca. A câmera registra que tudo aconteceu por volta de 3h50 da madrugada do dia 1º de setembro. O rapaz brinca com o objeto, o aponta para a porta. Em seguida, bate com a faca na parede e vai embora

Uma semana depois, por volta das 3h da madrugada, o mesmo vizinho retorna, desta vez acompanhado da mãe à porta do apartamento de Eddy. A dupla fica por pouco tempo em frente ao local. Com a saída dos dois, o youtuber chama a equipe de segurança para registrar as ameaças. Após a saída dos funcionários, a vizinha e o filho retornam à porta de Eddy, desta vez segurando uma faca e uma garrafa de vidro. Confira:

Posicionamento do condomínio

Em nota, o advogado Diego Basse, representante do condomínio United Home & Work, afirmou que a moradora será multada em dez vezes o valor mensal do condomínio. Além disto, a mulher também pode ser expulsa por causa das agressões e ameaças.

(*Juliana Maia, estagiária sob supervisão da editora web de OLiberal.com, Vanessa Pinheiro)

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL