Sessão solene marca instalação do novo Instituto de Ciências Médicas da UFPA

Iniciativa vai promocer mais autonomia na criação e desenvolvimento de projetos, além de fomentar o ensino médico de pós-graduação na universidade

Camila Azevedo

O Instituto de Ciências Médicas (ICM) da Universidade Federal do Pará (UFPA) foi instalado oficialmente na tarde desta segunda-feira (09). A sessão solene que marcou o início das atividades da entidade ocorreu no Salão Nobre da Faculdade de Medicina, localizado na avenida Generalíssimo Deodoro, em Belém, e contou com a presença do reitor da UFPA, Emmanuel Zagury Tourinho. Durante o momento, foram empossados o diretor geral e a diretora-adjunta do ICM, Silvestre Savino e Silvia Helena Bahia.

A nova diretora e o vice-diretor da Faculdade de Medicina, Aurimary Chermont e César Augusto Muniz, também foram empossados na ocasião. O ICM foi criado com o objetivo de promover maior autonomia aos professores e alunos do curso, sendo uma conquista iniciada em agosto de 2022, quando foi dada a entrada no processo, e aprovada em outubro do mesmo ano. Além de possibilitar o desenvolvimento de mais áreas de pós-graduação, a instalação vai, ainda, aumentar a estrutura do ensino oferecido. 

Para o reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, os projetos acadêmicos e científicos terão mais agilidade na concepção a partir do ICM. “Então, a partir de hoje, com essa nova unidade e os grupos que compõem este instituto, deliberam internamente sobre esses projetos e podem autonomamente buscar os meios para execução e, na estrutura da universidade, passam a ter uma posição de autonomia na participação dos processos de gestão da universidade”, disse.

Com o ICM, conforme explica o reitor, o respeito à ciência no meio médico será cada vez mais promovido. “O ICM, em suma, nasce em um novo tempo e com o horizonte extraordinário de possibilidades. A UFPA conta, também, com o ICM para promover o respeito à ciência no meio médico, para, em nome da academia, combater o negacionismo que se propagou na sociedade brasileira, alcançando, inclusive, organizações de trabalhadores da área da saúde”, destacou.

Novo instituto abre portas para aumentar acervo de cursos de pós-graduação na área médica da UFPA

As próximas semanas serão para efetivar a estrutura que o ICM passará a ter. Silvestre Savino, diretor geral empossado do instituto, ressalta que essa medida é a primeira a ser feita do ponto de vista legal para que, então, as atividades possam começar. “O instituto foi criado com o objetivo de dar o suporte na infraestrutura que a Faculdade de Medicina, não só o seu projeto pedagógico, seus campos de estágio em relação às UBS, aos hospitais universitários e novos métodos de ensino, mas com a modernização dos laboratórios de habilidade”, aponta. 

As melhores condições de ensino são descritas pelo diretor como necessárias aos mais de mil alunos da faculdade. “O ICM visa também desenvolver uma área importante do curso, que são as pós-graduações. Já temos as especialidades, que são as residências médicas, temos uma pós, que é o mestrado, e queremos aumentar a estrutura para que possamos ter novos cursos de pós para formação de professores que possam suprir as necessidades de ensino médico no nosso estado”, conclui Silvestre.

Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM