Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Sesma confirma 4 casos da variante Beta em tripulantes de navio que iria atracar em Icoaraci

A Secretaria realizou o isolamento no próprio navio dos casos suspeitos e confirmados e só vai liberar a embarcação após a recuperação dos pacientes

João Thiago Dias / O Liberal

A Secretaria Municipal de Saúde de Belém (Sesma) informou, nesta sexta-feira (30), que está atuando no bloqueio de quatro casos confirmados de covid-19 da nova variante Beta, que foi identificada pela primeira vez na África do Sul, em dezembro de 2020. Os casos foram registrados em tripulantes de um navio de bandeira internacional que veio do Maranhão e iria atracar no porto do distrito de Icoaraci. A Secretaria afirma que os pacientes estão isolados dentro da embarcação e que nenhum caso dessa variante ocorreu dentro da cidade.

"Foram quatro casos identificados da variante Beta (África do Sul), que foram confirmados em tripulantes de um navio que não chegou a atracar em Belém. Não teve autorização por conta dos casos suspeitos e, posteriormente, confirmados da variante. Belém não tem nenhum registro de caso da variante Beta", informou a Sesma.

Há aproximadamente 15 dias, a equipe da divisão epidemiológica da Sesma foi acionada para investigar um caso suspeito da covid-19, em um tripulante do navio que estava aguardando autorização para atracar no porto de Icoaraci.

Foram coletadas amostras dos 26 tripulantes da embarcação e quatro delas foram positivadas para covid-19. Após sequenciamento genético, foi comprovado que se tratava da variante descoberta na África do Sul.

Segundo a Sesma, os pacientes apresentaram sintomas leves e evoluíram sem necessidade de encaminhamento hospitalar. "A Sesma realizou o isolamento no próprio navio dos casos suspeitos e confirmados, promoveu o monitoramento dos contatos e só irá liberar a embarcação após a recuperação dos casos e não havendo outro tripulante sintomático a bordo", pontuou.

De acordo com o diretor de Vigilância a Saúde da Sesma, Cláudio Salgado, independentemente da cepa ou da variante, fazer o bloqueio de quatro pessoas com covid-19 de entrar em Belém, em um momento de baixa de casos da doença no município, já é muito significativo.

"Bloquear já sabendo, agora, que era uma variante que não está circulação em Belém aumenta a responsabilidade do que foi feito no bloqueio deste navio”, destacou Cláudio Salgado

Palavras-chave

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM