Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Segunda dose de Pfizer e AstraZeneca em Belém tem grande procura nesta quinta (16)

Vacinação contra covid-19 na capital funciona das 9h às 17h e tem programação definida até esta sexta

Cinthia Gatti

A vacinação contra covid-19, em Belém, nesta quinta-feira (16), foi movimentada. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) disponibilizou a segunda dose para os nascidos nos anos de 1984 a 1985, que receberam a primeira dose da Pfizer até o dia 10 de agosto. Também puderam receber o imunizante pessoas nascidas nos anos de 1979 a 1985, que foram vacinadas com a vacina AstraZeneca até o dia 10 de agosto.

Em um shopping center da avenida Augusto Montenegro, um dos pontos de vacinação, a fila começou a se formar antes das 7h. Quando a vacinação começou às 9h, o local já estava lotado de pessoas que esperavam pela vacina. Uma longa fila se formava no subsolo, onde é feita a triagem.

De acordo com a enfermeira Rosane Lima, a expectativa era de vacinar, somente neste ponto, 15 mil pessoas, nesta quinta-feira (16). “Ficamos surpresos, porque a segunda dose geralmente tem uma demanda menor, mas hoje não foi assim. As pessoas chegaram cedo e a movimentação deve ser grande por aqui durante o dia”, comentou.

As pessoas que chegavam para se vacinar aguardavam na fila até serem chamados para a triagem, quando os documentos são apresentados e conferidos. Logo após, são encaminhados para a sala de vacinação. A militar Luciene do Socorro, emocionada, acompanhava o marido Fábio Renato Souza, de 39 anos, que recebeu a segunda dose da AztraZeneca.

“Muitas pessoas não conseguiram chegar até aqui. Eu perdi amigos, familiares, pessoas que eu amava e hoje eu vim com meu marido. Fotografei e me emociono mesmo (disse chorando)... todo mundo tem que fazer a sua parte”, disse Luciene.

A consultora de vendas Roseane Mesquita, de 37 anos, recebeu a segunda dose da Pfizer. Ela disse estar com a esperança renovada. "Agora eu sinto que posso ter um pouco mais de segurança e esperança. Vou continuar seguindo os protocolos, usando máscara e álcool em gel. Acho que isso nunca mais vai mudar, mas eu agora me sinto renovada.”, completa.

A vacinação em Belém ocorre sempre das 9h às 17h. Quem comparecer aos pontos de vacinação, não pode esquecer de  apresentar: RG, CPF e cartão de vacinação. Quando forem primeiras doses, é necessário levar o comprovante de residência.

Nesta sexta-feira (17), será o dia da segunda dose de pessoas nascidas nos anos de 1986 e 1987, que foram vacinadas com a vacina Pfizer até o dia 10 de julho. Ainda na sexta, as pessoas nascidas nos anos de 1962, 1963, 1964, 1965, 1966, 1967, 1968 e 1969, que foram vacinadas com a vacina Pfizer até o dia 10, deverão tomar a segunda dose. Jornalistas também vão tomar a segunda dose da Pfizer.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM