Professores lançam campanha para salvar UFPA

Lançamento será com ato na Universidade nesta quinta (12)

Eduardo Rocha

Um ato político-cultural, a partir das 16 horas desta quinta-feira (12), no Estacionamento do Vadião, no Campus Básico da Universidade Federal do Pará (UFPA) , marcará o lançamento da campanha "Educação de todos: Juntos pela UFPA pública e gratuita". A iniciativa é da Associação de Docentes da UFPA (ADUFPA) e visa expor à sociedade que o corte de mais de R$ 50 milhões do orçamento 2019 da Universidade pelo Governo Federal compromete serviços e já ameaça o funcionamento cotidiano da instituição a partir deste mês de setembro.

O evento, como informa a coordenação, será gratuito e reunirá no mesmo palco artistas e grupos culturais. Está prevista a participação do Arraial do Pavulagem, Bando Mastodontes, Slam Dandaras do Norte, Na Cuíra, Alcyr Guimarães, Eloi Iglesias e outros. Antes das apresentações, haverá um cortejo cultural com o Boi Marrozinho pelas vias da Universidade.

Mobilização

A campanha está sendo organizada com o apoio da Faculdade Comunicação da UFPA (Facom). O projeto contará com eventos, produções audiovisuais, reuniões com autoridades e personalidades, materiais gráficos e para as redes sociais e mobilizações de rua.

A expectativa dos organizadores é que a campanha não fique restrita aos muros da Universidade e possa sensibilizar a população paraense a assumir a defesa da instituição. “Queremos destacar a importância da UFPA não apenas para quem nela trabalha ou estuda, mas para o conjunto da sociedade e para nossa região. Pretendemos mostrar que esse nosso patrimônio está ameaçado diante da atual política do Governo Federal. Então, é necessário aglutinarmos forças, personalidades e movimentos para defendê-la”, explica o diretor-geral da ADUFPA, Gilberto Marques.

Atuação

A UFPA possui, atualmente, mais de 51 mil estudantes, quase 2,7 mil professores e cerca de 2,5 mil servidores técnico-administrativos. A instituição tem presença física em 12 municípios do Estado do Pará e oferta 588 cursos de graduação, entre regulares, turmas do Parfor e educação a distância. Na pós-graduação, são mais de 10 mil alunos beneficiados, entre cursos de Doutorado, Mestrado, Especialização e Residências.

A população externa também é beneficiada pelas ações da Universidade. Na área da saúde, mais de 1,2 milhão de procedimentos foram realizados em 2018 pelos Hospitais Universitários João de Barros Barreto e Bettina Ferro e Souza. A UFPA desenvolve quase 1,5 mil projetos de pesquisa e atende mais de 190 mil paraenses por meio dos projetos e programas de extensão, o que indica a enorme contribuição da instituição para o desenvolvimento da região amazônica.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!