Médico acusado de estuprar paciente durante parto vai a julgamento no Rio

Ele está preso desde junho deste ano

O Liberal
fonte

O médico anestesista Giovanni Quintella Bezerra, de 32 anos, acusado de estuprar uma paciente sedada, no dia 11 de junho deste ano, após a jovem ser submetida a um parto no hospital de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, foi a julgamento na tarde desta segunda-feira (12). Com informações da Agência Estado.acusa

Ele está preso desde o mês de junho e, na tarde desta terça-feira, participou da audiência de instrução e julgamento, por videoconferência, a partir do presídio Pedrolino Werling de Oliveira, conhecido como Bangu 8, no complexo penitenciário de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio.

A audiência foi presidida pelo juiz Carlos Márcio da Costa Cortazio Correa, da 2ª Vara Criminal de São João de Meriti. O evento foi fechado ao público e à imprensa. O processo tramita em segredo de Justiça, para proteger a identidade da vítima.

O primeiro ato da audiência foi o depoimento da mulher. Ela estava emocionada e ela falou por mais de uma hora, após foi ouvido o marido dela, cujo depoimento durou cerca de 50 minutos. Em seguida prestaram depoimento três integrantes da equipe de enfermagem que acompanhava o médico durante o parto. Cada um também falou por cerca de 50 minutos.

Às 18h30, ainda faltavam outras testemunhas de acusação, entre elas a delegada Bárbara Lomba, responsável pela prisão em flagrante do médico e pela investigação do caso.

Encerrada a oitiva das oito testemunhas de acusação, será a vez das oito testemunhas de defesa. Depois disso os peritos poderão prestar esclarecimentos, e finalmente ocorrerá o depoimento de Bezerra, que será ouvido por videoconferência.

A acusação e defesa ainda se manifestarão, antes que o juízo emita a sentença, da qual pode haver recurso à segunda instância. A reportagem não conseguiu contato com o representante da defesa do médico. Na sexta-feira, a Defensoria Pública disse que não se manifestaria sobre o caso.

Belém
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM