Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Governo promove ações de Saúde pelo Dia Mundial de Luta Contra Aids, em Belém

A programação será das 8h30 às 13h, na Estação Gasômetro

O Liberal

Em alusão ao Dia Mundial de Combate à Aids, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) e a Fundação ParáPaz realizam nesta quarta-feira (1º), em Belém, a programação “IST Não! Atenção, Cuidado e Prevenção”, que oferecerá à população diversos serviços de saúde e de cidadania. 

As ações serão realizadas no Teatro Estação Gasômetro, das 8h30 às 13h, com consultas com médicos clínicos; oferta de testes rápidos para detecção de HIV, sífilis e hepatites; aferição de pressão arterial, glicemia, saturação e temperatura; distribuição de insumos de prevenção, como preservativo masculino, feminino e material informativo; emissão e segunda via de registro de identidade, certidão de nascimento e Cadastro de Pessoas Físicas (CPF); carteira de trabalho digital e orientações jurídicas. 

O objetivo da mobilização dos dois órgãos está associado à meta da campanha deste ano, de promover o acesso ao teste, ampliar o número de pessoas que conheçam seu status sorológico e vincular o portador do HIV à referência, além de ofertar o tratamento imediatamente após o diagnóstico. 

“É um mês de mobilização e alerta que é realizado todos os anos. Queremos chamar a atenção da população quanto à prevenção, pois, infelizmente, muitas pessoas continuam não utilizando o preservativo nas relações sexuais e isso é preocupante, já que temos várias campanhas de conscientização durante o ano e também preservativos e outros métodos de prevenção disponíveis no SUS”, comenta o secretário de Saúde do Pará, Rômulo Rodovalho.  

O presidente da Fundação ParáPaz, Alberto Teixeira, considera fundamental que os jovens compareçam na ação, para que se envolvam na discussão a fim de adquirir e compartilhar informações sobre o tema. “A Aids é uma doença muito presente na sociedade e campanhas como essas são oportunas para ampliar informações a respeito da prevenção e gerar condições para que os jovens possam ter mais mecanismos de se prevenir”, disse. 

Nesse sentido, a coordenadora estadual de IST/Aids pela Sespa, Andréa Miranda, explica que o papel do Estado é fomentar políticas de IST/Aids para os Centros Regionais da Saúde da Sespa que dão suporte aos 144 municípios. 

“Nós apoiamos e orientamos como devem ser conduzidas as ações na área da promoção à saúde, prevenção, proteção, diagnóstico, assistência e tratamento para combater a doença no Pará, sobretudo no âmbito da promoção à saúde e da proteção dos direitos fundamentais da pessoa vivendo com HIV/Aids. Também é importante destacar o fortalecimento das instituições locais por meio do desenvolvimento de programas e projetos na área pelos gestores locais”, complementa. 

Suporte - A Sespa disponibiliza, em Belém, a Unidade de Referência Especializada em Doenças Infecciosas e Parasitárias Especiais (Uredipe), para pacientes de todo o Estado vivendo com HIV/Aids ou pessoas que sofreram uma possível exposição ao vírus e precisam confirmar se estão infectadas.

Outros canais de apoio são oferecidos pelas prefeituras, como os 84 Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA) e 31 Serviços de Atenção Especializada (SAEs). Neles, a população em geral pode realizar o teste rápido diagnóstico para o HIV, gratuito e sigiloso, e receber as devidas orientações para prevenir a doença ou iniciar o mais precoce possível o tratamento naqueles que apresentaram testes reagentes pela rede especializada do Sistema Único de Saúde (SUS).

Segundo dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), do Ministério da Saúde, os casos de HIV no Pará vêm diminuindo: em 2019, foram notificados 2.714 casos, seguidos de 2.564 no ano passado e outros 1.603 registrados entre janeiro e junho deste ano. 

Em relação aos casos de Aids, ou seja, quando o indivíduo portador do vírus HIV manifesta a doença, observa-se também uma redução do número de casos no estado: em 2019 foram 979 casos; em 2020 foram 584 casos e, no primeiro semestre de 2021, 359 casos registrados.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM