Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

'Foi o Mar': espetáculo inspirado em obra de Nelson Rodrigues estreia em Belém

O espetáculo conta a história de uma família tradicional, que reside à beira mar. O local é cheio de mortes súbitas e inexplicáveis.

Emanuele Corrêa

Mistério, suspense psicológico e fatos sobrenaturais pairam sobre "Foi o Mar", espetáculo teatral com sessões neste sábado (11) e domingo (12), às 20h, no Teatro Waldemar Henrique, em Belém. A dramaturgia é do diretor paraense, Kesynho Houston e foi inspirada nas obras "Senhora dos Afogados", de Nelson Rodrigues e "A casa dos espíritos", de Isabel Allende. O espetáculo conta a história de uma família tradicional, que reside à beira mar. O local é cheio de mortes súbitas e inexplicáveis. Apesar de todos acharem que o responsável pelas tragédias seja o mar, ao longo da narrativa descobrem que o mal está dentro da casa.

O diretor e ator Kesynho Houston, 29 anos, revela que a história é uma mistura de suspense, terror e misticismo, mas também apresenta os aterrorizantes conflitos internos e externos da família em questão. "Eu me inspirei nas obras de Nelson Rodrigues, que é uma paixão muito grande que eu tenho e sempre quis fazer algo dele no teatro. As pessoas podem esperar um espetáculo cheio de reflexões e incomodações, pois o espetáculo traz problemas sociais que percorrem o tempo, até os dias de hoje. Nossa obra passa pelo incesto, cegueira religiosa, etc. Vamos tocar em feridas muito fortes, que quase ninguém quer falar em um palco de teatro. E a forma como isso se desenrola na trama, vai surpreender muito", afirmou.

O dramaturgo relembra o processo de escrita e de ensaios que, ao todo, levou cinco meses. Ele destaca que são 11 atores no palco e que ao longo dos meses o crescimento do grupo foi perceptível. "O Espetáculo passeia pelo misticismo com pegadas de bruxaria e trata os dramas de uma família adoecida psicologicamente. O trabalho com o elenco foi de muito estudo e ensaios. São atores muito comprometidos no trabalho de atuação e cada vez mais o crescimento de cada um deles só aumenta e isso me deixa muito satisfeito enquanto criador do processo", declarou.

A atriz Fabrícia Basttos, 25 anos, interpreta a personagem Norma, a filha mais velha de Cristina - Julis Albuquerque -, que é bastante ligada a avó, dona Alma - Kesynho Houston -, com quem aprendeu tudo sobre religião. "Dona Alma ensina tudo o que sabe sobre religião e afazeres domésticos. Com o passar do tempo, Norma começa a se revelar, deixando o público surpreso. A construção da minha personagem foi com base em personagens de filmes de terror e com dupla personalidade. Pude observar os trejeitos e construir uma personalidade forte e com objetivos em cada cena, que vai crescendo no decorrer do espetáculo, até demonstrar completamente quem ela é realmente", disse a atriz.

Fabrícia comenta que foi desafiador o processo e convida o público a conferir o espetáculo. "Foi um grande desafio como atriz realizar esse papel tão forte que é Norma. Diferente de todos os que eu já fiz ao longo da minha carreira artística. O público pode esperar muita entrega e dedicação de todo o elenco. No final do espetáculo Norma recebe uma visita curiosa  que  vai surpreender todos no teatro", finalizou.

 

Serviço -

 

Espetáculo: Foi o Mar

Data: Sábado (11) e domingo (12)

Hora: 20h

Local: Teatro Waldemar Henrique, avenida Presidente Vargas, 645 - Campina, Belém.

Ingressos: no site da Sympla no valor R$ 20,00 ou na bilheteria do teatro, até esgotar.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM