Escolas de Marituba não têm mais aulas presenciais desde o dia 20

Decisão foi tomada bem antes de o governo definir a suspensão da rede estadual, já visando a falta de segurança sanitária

Victor Furtado

A rede municipal de Marituba está com aulas presenciais suspensas desde o dia 20 de outubro. Bem antes de o Governo do Estado tomar a mesma decisão de só retornar em 2021, caso haja vacina contra covid-19 e condições seguras. Enquanto isso, seguem as tarefas escolares remotas, com conteúdos pela internet e cadernos de atividades.

Todas as diretrizes foram decididas no último dia 20, quando o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp) e representantes das secretarias de Marituba, sobretudo de Educação e Saúde, se reuniram. Iolanda Freitas de Lima, coordenadora do Sintepp Subsede Marituba, ressalta que muitos professores e demais trabalhadores da educação pública da cidade foram contaminados. Ela diz que há uma professora que é caso suspeito de reinfecção pelo coronavírus sars-cov-2, que causa a covid-19.

Por enquanto, a comunidade científica ainda não determinou, com toda a certeza, que a reinfecção é possível. Um estudo publicado recentemente, pelo Imperial College London, indica que após o fim do ciclo do coronavírus e desaparecimento dos sintomas, os anticorpos são reduzidos rapidamente, em até 26%. Essa seria uma evidência que atestaria que a reinfecção é fato.

A Prefeitura de Ananindeua suspendeu as aulas remotas nesta terça-feira (27), por uma portaria que deve compor uma nota técnica ampla para o município e novas medidas de prevenção à covid-19. A Prefeitura de Belém, que reconhece o aumento do número de casos, segue sem posição sobre suspensão de aulas.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM