Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Doces e alimentos são distribuídos no Dia de São Cosme e São Damião

A data religiosa levou crianças e adolescentes às ruas de Belém

Laís Santana / O Liberal

O Dia de São Cosme e São Damião, comemorado nesta segunda-feira (27), levou crianças e adolescentes às ruas de Belém em busca dos doces e guloseimas tradicionalmente distribuídos nesta data.  

Para o pequeno Paulo da Silva, de 8 anos, o dia foi de muita diversão ao percorrer alguns pontos de distribuição no bairro da Pedreira. “É um dia muito legal! Eu gosto muito de ganhar bombons, comer bolo, brincar. É tudo muito divertido”, afirma. 

Um dos locais visitados por Paulo foi a casa do estudante Ian Patrick Lima, de 25 anos. Graças a uma vaquinha realizada na internet, Ian pode organizar pela primeira vez a distribuição dos doces. 

“Isso que eu tô fazendo aqui era uma vontade que eu já tinha há alguns anos porque aqui na rua da minha casa quando eu era criança praticamente todos os vizinhos davam algum agrado pra gente, algum brinde nesse dia. E esse ano eu decidir fazer alguma coisa por essas crianças para essa tradição não morrer”, destaca.

Junto com amigos e seguidores, o jovem conseguiu arrecadar fundos para a compra dos doces e de uma cesta básica que foi entregue durante a ação. “A gente conseguiu uma quantia bem grande, nisso conseguimos montar 100 saquinhos de bombom, a meta era 50, e montamos uma cesta básica para uma família que precise porque nessa região tem muita gente carente”.

Ian ainda ressalta a importância da valorização sociocultural em datas como essa. “Apesar de Cosme e Damião serem santos da Igreja Católica, também tem todo o sincretismo por atrás, que são a cultura dos Eres e Ibejis, fortalecendo também a cultura do povo negro, principalmente nas áreas de periferia. Isso é muito importante para todos nós”, afirma. 

A família de Karla Nogueira, de 31 anos, foi agraciada com a entrega da cesta de alimentos. Para ela, a data representa coisas boas que ela pretende passar para o filho. “Eu cresci e me criei correndo na rua atrás de bombom. Agora como tenho filho vou correr com ele. Hoje em dia levo ele nas casas onde sempre peguei”, conta.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM