Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Dia do Orgulho Lésbico: Belém ganha ações de assistência às mulheres lésbicas

A data é celebrada nesta sexta-feira (19) em memória à primeira grande de ativistas lésbicas no Brasil, em 1983

Gabriel Pires

Relembrando a primeira grande manifestação de ativistas lésbicas no Brasil, que foi realizada no ano de 1983, em São Paulo, nesta sexta-feira (19) é celebrado nacionalmente o Dia do Orgulho Lésbico. A data é marcada pela manifestação em busca de garantia de direitos à comunidade lésbica e pela luta contra o preconceito

Em Belém, no próximo sábado (20), será realizada pelo Coletivo Sapato Preto a 2ª edição da ação de cidadania por dignidade e resistência, que contará com serviços sociais e de saúde, a partir das 8h, na sede do Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará (Cedenpa), no bairro da Cremação, em Belém. 

Dentre os serviços de saúde estão: atendimentos com clínico geral e ginecologista, além de testes rápidos de HIV, sífilis, hepatite B/C e de covid-19. Durante a ação, as mulheres também receberão vacinas de tríplice viral, H1N1 e covid-19. Dentre os outros serviços: haverá emissão de RG, além de uma aula de autodefesa para mulheres, feira de empreendedoras lésbicas e apresentações artísticas

Ações fazem parte do ativismo das mulheres lésbicas em Belém

O histórico de construção do evento está diretamente ligada à organização do movimento lésbico de Belém, como destaca a assistente social Patrícia Gomes, membro do Sapato Preto. “A primeira edição do evento aconteceu em 2021 e reuniu cerca de 100 participantes, porém, ainda não estávamos articuladas com tantos coletivos como estamos agora e reflete o quanto os nosso diálogos se movimentam“, ressaltou a ativista.

A programação faz parte da campanha “16 Dias de Ativismo Lésbico”, promovida pelo Sapato Preto, pelo LesbiPará e outras organizações desde o dia 13 de agosto. Com o tema “Ativismo Lésbico da Amazônia Paraense: Por Dignidade e Resistência”, as ações serão realizadas até o dia 29 de agosto, data em que é celebrado o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica. Ainda no próximo dia 28 de agosto haverá a “11ª Marcha de Mulheres Lésbicas e Bissexuais do Pará”, a partir das 15h. com concentração na avenida Visconde de Souza Franco (Doca).

Prefeitura também promove ação de saúde e cidadania 

Já nesta sexta-feira (19) um mutirão de serviços da prefeitura de Belém promoverá o acesso de direitos à população lésbica, a partir das 14h, no Complexo Ver-o-Rio, no bairro da Campina, em Belém. 

Haverá serviços de cidadania e de saúde (PCCU e testagens), orientação jurídica, revitalização facial e atividades recreativas. E ainda programações voltadas ao empreendedorismo feminino e apresentações culturais.

A iniciativa é da Coordenadoria de Diversidade Sexual (CDS), que conta o apoio das demais secretarias e coordenadorias municipais. Até o início da noite desta quinta-feira (18), não havia maiores detalhes sobre quais as atividades serão, especificamente, destinadas à população.

Serviço

- 2ª edição da ação de cidadania por dignidade e resistência do Coletivo Sapato Preto
Data: 20/08 (sábado)
Horário: das 8h às 13h
Local: na Centro de Estudos e Defesa do Negro do Pará (Cedenpa), localizada na passagem Paulo VI, nº 244, bairro da Cremação, em Belém

- Programação alusiva ao Dia do Orgulho Lésbico - Prefeitura de Belém
Data: 19/08 (sexta-feira)
Horário: das 14 às 20h
Local: no Complexo do Ver-o-Rio, localizado na avenida Marechal Hermes, nº 1374, bairro do Umarizal, em Belém

(Gabriel Pires, estagiário, sob a supervisão do coordenador do Núcleo de Atualidades, João Thiago Dias)

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BELÉM

MAIS LIDAS EM BELÉM