Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

TRE-PA começa a preparação das urnas eletrônicas da RMB para o pleito de 2 de outubro

Ao todo, em todo o Estado, mais de 6 milhões de eleitores estão aptos a votar e mais de 18 mil urnas eletrônicas serão utilizadas

Elck Oliveira

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PA) realizou, neste domingo (18), no parque das urnas, localizado em Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém, a cerimônia pública de preparação das urnas eletrônicas que serão utilizadas no pleito do próximo dia 2 de outubro, especificamente na 43ª Zona Eleitoral, também com sede em Ananindeua. Esta é considerada a maior do Pará em número de eleitores - quase 175 mil - e em seções de votação: 461 ao todo.

A preparação das urnas eletrônicas consiste em carregar e alimentar as urnas com os dados oficiais das eleições, incluindo as informações dos candidatos, dos eleitores, e das zonas eleitorais. Segundo o secretário de Tecnologia da Informação do TRE-PA, Alessandro Cruz, a preparação das urnas da Região Metropolitana de Belém teve início neste sábado (17) e seguirá até o próximo dia 24, sendo este domingo (18) o dia inteiro dedicado à maior Zona Eleitoral do Estado, a 43ª  de Ananindeua. “Na terça-feira (20), essa preparação também terá início no interior, onde cada Zona Eleitoral ficará incumbida de realizar o trabalho no próprio Cartório Eleitoral”, pontuou.  

De acordo com o secretário, na última sexta-feira (16), ocorreu a cerimônia de preparação das mídias, que, neste momento, estão alimentando as urnas eletrônicas. Nessa etapa, os dados são inseridos, depois há um autoteste para verificar se todos os componentes das urnas estão funcionando corretamente e, por fim, ocorre a lacração das urnas, que já ficam prontas para serem usadas no dia das eleições. Em todo o Estado, serão cerca de 18.400 urnas utilizadas, com um percentual a mais de 15% de aparelhos que podem ser usados para eventuais substituições, chegando a 22 mil ao todo. 

A juíza eleitoral da 43ª Zona Eleitoral, Rosa Maria Moreira da Fonseca, acompanhou de perto a preparação dos equipamentos e ressaltou o fato de que órgãos de fiscalização, como o Ministério Público e a Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil, além de partidos políticos, foram convidados a prestigiar esse momento. Representantes do Exército e da Força Aérea também se fizeram presentes. “Estamos aqui justamente para garantir a autenticidade e integridade das urnas, demonstrando que elas vão sair daqui com toda a segurança”, afirmou, lembrando que as urnas já saem do parque do TRE-PA diretamente para os locais de votação.  

Já a presidente do TRE-PA, desembargadora Luzia Nadja Guimarães Nascimento, que também esteve no local de preparação das urnas, destacou o fato de todo o processo pré-eleitoral estar ocorrendo com tranquilidade. “Estamos adotando todas as medidas necessárias para que o nosso eleitorado possa exercer o direito do voto com tranquilidade, assegurando, assim, políticas públicas para a comunidade”, frisou.

A magistrada lembrou que, neste ano, 90 novos municípios do Pará vão utilizar a biometria no pleito eleitoral, o que vai demandar ainda mais atenção e presteza dos servidores e voluntários que trabalharão no pleito eleitoral. “Vamos monitorar os horários e montamos todo um esquema de segurança para o eleitor tenha o seu direito garantido”, finalizou. Segundo o TRE-PA, 84% dos eleitores do Pará realizaram a biometria para fins de voto.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA