Sigilo de 100 anos: veja as visitas que Michelle Bolsonaro recebeu no Palácio da Alvorada

Presidente Lula começou a reverter os sigilos impostos durante o governo de Jair Bolsonaro

Emilly Melo
fonte

O presidente Lula (PT) derrubou o primeiro sigilo de 100 anos imposto pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Nesta quarta-feira (11), o Estadão obteve acesso a lista de visitas que a ex-primeira dama, Michelle Bolsonaro, recebeu no Palácio da Alvorada. De acordo com a reportagem, foram 565 visitantes entre 2021 e 2022. Com informações do Uol.

VEJA MAIS

image Governo Lula derruba primeiro sigilo de 100 anos de Bolsonaro sobre a ex-primeira-dama Michelle
Trata-se de 565 registros de entrada na residência oficial da Presidência

image Novo governo mapeia sigilos de Bolsonaro: foco são visitas ao Planalto e cloroquina no Exército
Sigilo sobre o processo disciplinar contra o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, também está na mira do governo Lula

image Lula assina decretos para avaliar sigilos e desonerar combustíveis; veja lista
Medidas provisórias têm validade imediata, a partir do momento que são publicadas no Diário Oficial da União

A visita mais frequente nesse período foi da diretora de Acessibilidade e Apoio a Pessoas com Deficiência do Ministério da Educação, Nídia Limeira de Sá. Ela esteve na residência oficial da presidência 51 vezes, o que seria em torno de quatro visitas por mês.

A exoneração de Nídia não foi publicada no Diário Oficial da União. O último registro é de 12 de dezembro de 2022, quando Bolsonaro concedeu a ela a Ordem Nacional do Mérito Educativo

Os visitantes frequentes de Michelle foram

  • Claudir Machado, pastor da Igreja Batista Atitude em Brasília - 31 vezes 
  • Juliene Cunha, cabeleireira - 24 vezes 
  • Cynara Boechat, estilista - 5 vezes

Cidadãos pediram a informação sobre quem Michelle estava recebendo com base na Lei de Acesso à Informação (LAI), mas a solicitação foi negada, sob a alegação de serem dados pessoais protegidos. Lula assinou um decreto em 1º de janeiro pedindo a revisão dos sigilos de Bolsonaro pela Controladoria-Geral da União (CGU). No caso dos visitantes da ex-primeira dama, o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) tomou a iniciativa e liberou os documentos antes da Controladoria terminar a análise.

Veja as visitas recebidas por Michelle Bolsonaro

  • Nídia Regina Limeira de Sá - recebida 51 vezes
  • Pastor Claudir de Goes Machado - recebido 31 vezes
  • Marion Costa de Bom - recebida 24 vezes
  • Elizângela Ramos de Souza Castelo Branco - recebida 24 vezes
  • Juliene Ribeiro da Cunha - recebida 24 vezes
  • Beatriz Ferreira de Souza - recebida 19 vezes
  • Silene de Jesus Mendes Borges - recebida 13 vezes
  • Mariana Mendes Freitas Ávila - recebida 11 vezes
  • Luana Siqueira Leal Suza - recebida 11 vezes
  • Silvana de Fátima Neitzke - recebida 11 vezes
  • Fernanda Moreira Pereira - recebida 8 vezes
  • Dannia Vasconcelos - recebida 5 vezes
  • Tiago Ximenes Amâncio Genova - recebido 5 vezes
  • Cynara Araújo Resende Boechat - recebida 4 vezes

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Elisa Vaz, repórter do Núcleo de Política)

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA