Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pacheco critica negacionismo de Bolsonaro e diz que não se moverá para atrapalhar a CPI

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, o presidente do Senado negou que o Congresso esteja sendo omisso em relação ao governo na crise da pandemia

Com informações do portal UOL

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), concedeu entrevista ao jornal Folha de S. Paulo e, questionado se o Congresso estaria se omitindo quanto à atuação do governo federal na condução da crise da Covid, declarou qu não mexerá "um milímetro" para impedir a atuação da CPI da Covid , embora admita que a instalação da Comissão neste momento não seria adequada.

"Uma vez instalada, vou permitir todas as condições para que funcione bem e chegue ao objetivo necessário", afirmou. "Aliás é muito importante que ela cumpra sua responsabilidade na apuração de responsabilidades", disse.

Na entrevista, Pacheco disse ainda que o presidente Jair Bolsonaro "não contribui" com seu discurso negacionista. "Para bom entendedor, um pingo é letra. Quando ele [Bolsonaro] prega qualquer tipo de negacionismo, eu vou criticar o negacionismo e consequentemente estou criticando a fala dele", disse.

Também apontou o que considera "erros" praticados até agora pelo governo.

Palavras-chave

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA