Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

VÍDEO: Cachorro é abandonado na avenida Centenário, em Belém, e tenta correr atrás do carro do dono

Imagens, que começaram a circular na manhã deste domingo (20), causaram revolta nas redes sociais. Polícia Civil expediu Ordem de Serviço para identificar autor do crime

O Liberal

Um vídeo que começou a circular nas redes sociais na manhã deste domingo (20), causou revolta em muitos internautas. As imagens mostram um cachorro correndo atrás de um carro particular, supostamente de seu dono, que o teria abandonado na avenida Centenário, em Belém. A Polícia Civil divulgou uma nota informando que expediu uma Ordem de Serviço para identificar o autor do crime.

O vídeo, que foi registrado durante o dia, em plena avenida Centenário engarrafada, mostra o cachorrinho branco pulando na janela do veículo, um HB20 hatch de cor bronze. Depois de alguns segundos, o carro avança e o animal sai correndo atrás dele, que faz o retorno e acelera. Em seguida o vídeo é encerrado. Veja:

"A Polícia Civil do Pará, por meio da Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (Demapa), informa que expediu Ordem de Serviço para identificar o autor do abandono de um animal, na avenida Centenário, em Belém. A medida visa localizar o animal para submetê-lo aos exames pertinentes, a fim de apurar devidamente a ação do autor", disse a PC em nota enviada à reportagem.

A Polícia Civil ressaltou, ainda, que de acordo com o que está previsto na Lei 9.605, Art. 32, todo aquele que praticar o ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos poderá sofrer detenção de três meses a um ano, e multa. 

"Quando se tratar de cão ou gato, a pena para as condutas será de reclusão, de dois a cinco anos, multa e proibição da guarda. (Incluído pela Lei nº 14.064, de 2020). A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal", concluiu a nota.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA