Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Usuário de drogas é morto a tiros no bairro da Agulha, em Icoaraci

Um inquérito foi instaurado por meio da Delegacia de Homicídios do distrito de Icoaraci para apurar o crime

O Liberal

Um homem não identificado foi morto a tiros na manhã desta sexta-feira (2), na passagem Frederico Hosana, próximo à rua Oito de Maio, no bairro da Agulha, em Icoaraci, distrito de Belém. De acordo com informações de agentes do 10º Batalhão da Polícia Militar, responsável pela área, o crime ocorreu durante uma briga entra dois usuários de drogas. O autor dos disparos ainda não foi identificado.

VEJA MAIS

Icoaraci: Criminoso tranca funcionária em banheiro e rouba loja de artigos médicos
Quando conseguiu sair do banheiro em segurança, a vítima acionou as viaturas da PM que se foram até o local

Icoaraci: Criminoso tranca funcionária em banheiro e rouba loja de artigos médicos
Quando conseguiu sair do banheiro em segurança, a vítima acionou as viaturas da PM que se foram até o local

Por volta de 5h30, os militares do 10º Batalhão foram acionados para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo. A guarnição se deslocou até o local e encontrou o corpo de um homem caído no meio da rua, já sem vida, com lesões provocadas por tiros. Segundo a polícia, por medo os moradores da área não quiseram dar mais informações. Nenhum familiar da vítima esteve no local.

Em nota, a PM afirmou que "rondas foram realizadas, mas os autores do crime ainda não foram localizados. A PM isolou a área e acionou os agentes da Polícia Científica e Polícia Civil para as providências cabíveis".

A Polícia Civil informou, em nota, que um inquérito foi instaurado por meio da Delegacia de Homicídios do distrito de Icoaraci para apurar o crime e diligências estão sendo feitas para identificar a motivação e autoria do homicídio.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA