logo jornal amazonia

Torcedor com tatuagem nazista é ouvido pela polícia

O torcedor chamou a atenção das pessoas que acompanhavam o jogo. Além da suástica, ele tem o desenho da águia, que também representa o partido nazista.

O Liberal

André Lucas Freitas de Souza, de 31 anos, que exibiu uma tatuagem com símbolo do Partido Nazista alemão nas costas no último domingo, 17, no estádio da Colina, em Manaus, foi levado para prestar depoimento no 5º Distrito Integrado de Polícia na manhã desta quarta-feira, 20.

O torcedor chamou a atenção das pessoas que acompanhavam um jogo da Série D do Campeonato Brasileiro. Além da suástica, ele tem o desenho da águia, que também representa o partido nazista. Ela foi escolhida pelo partido alemão pelo fato de ser um símbolo universal de poder, força, autoridade e vitória.

No Brasil, fazer apologia do nazismo usando símbolos nazistas, distribuindo emblemas ou fazendo propaganda desse regime é crime e se enquadra na Lei 7.716/1989, com pena de reclusão de dois a cinco anos e multa.

Segundo a Lei, "praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor etnia, religião ou procedência nacional", sob pena de reclusão de um a três anos e multa - ou reclusão de um a três anos e multa - ou reclusão de dois a cinco anos e multa, se o crime for cometido em publicações ou meios de comunicação social.

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA