Professor é preso pelo estupro de aluna de cinco anos em Castanhal

Segundo a Polícia Civil, Joaquim já havia sido indiciado pelo mesmo crime no ano passado, contra outra aluna na escola onde lecionava

O professor de educação física Joaquim Antonio Machado foi preso em cumprimento de mandado por policiais da Superintendência Regional do Salgado, em Castanhal, na manhã desta sexta-feira (07). Joaquim, professor da rede pública municipal, é acusado do crime de estupro de vulnerável contra uma aluna, uma criança de apenas cinco anos de idade.

A prisão foi cumprida após representação da delegada Lidiane Pinheiro, da Delegacia Especializada no Atendimento à Criança e Adolescente (Deaca) de Castanhal. A prisão, em caráter preventivo, ocorre para que as investigações continuem sem interferências, já que o acusado é reincidente: Joaquim já havia sido indiciado, no ano de 2018, pela prática do mesmo crime contra outra aluna na escola onde lecionava.

Por ter infringido o artigo 217-A do Código Penal, que versa sobre ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de catorze anos, o professor: pode ter a pena estimada entre oito e quinze anos de prisão, caso condenado. Joaquim segue preso no município de Castanhal, à disposição da Justiça.
 

Polícia