Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Polícia investiga homicídio no bairro do Curuçambá, em Ananindeua

O crime cometido a tiros ocorreu na noite da última sexta (08). A vítima foi encaminhada para uma unidade de saúde, mas não resistiu

O Liberal

A Polícia Civil do Pará informou, na noite deste sábado (09), que segue investigando um homicídio que ocorreu na noite da última sexta-feira (08), no bairro do Curuçambá, em Ananindeua. A vítima foi um homem identificado apenas como Lelê.

Ele tinha acabado de jogar futebol em uma arena chamada Campo do Formigão, no bairro, quando entrou no carro dele para ir embora. Dentro do veículo, foi atingido por disparos de arma de fogo.

Lelê chegou a ser encaminhado a uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos. Ainda não há detalhes oficiais sobre quantas pessoas participaram do crime. 

Um áudio compartilhado nas redes sociais ainda na noite da sexta (8) relatou detalhes do caso. Não há informações sobre quem gravou o áudio. 

“Eu quero contar aqui para vocês o que aconteceu agora há pouco aqui no Campo do Formigão, no Curuçambá. Uma das piores resenhas da minha vida, cara. Terminou o jogo, ficamos batendo um papo aí um rapaz que joga no Real Curaçambá, morador antigo do bairro, saiu para pegar o carro dele. Ele ligou o carro e apareceu uns elementos e ninguém sabe porquê deram uma sequência de tiros nele. Uma rajada de balas. Não se sabe se foi assalto. Fomos até o carro e ele ainda estava conversando e levaram ele para UPA. Lamentável, cara. Nunca tinha acontecido isso comigo. Eu já não quero mais. O Curuçambá realmente não é para iniciantes. Espero em Deus que ele sobreviva”, diz o homem na mensagem de voz.

Diligências estão sendo realizadas para coletar detalhes sobre o caso e identificar os envolvidos no crime. Informações que auxiliem nas investigações podem ser repassadas via Disque-Denúncia, número 181. O sigilo é garantido.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA