Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Polícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão contra acusado em Marabá

A operação "Double Check" deflagrada nesta quinta-feira (7), cumpriu mandados de busca e apreensão contra os acusados na região de Marabá, no sudeste estadual

Fabyo Cruz

Um homem acusado de participar de uma organização criminosa, especializada na prática de furto mediante fraude como lavagem de dinheiro, foi identificado pela Polícia Civil do Pará, nesta quinta-feira (7), durante cumprimento de mandado de busca e apreensão, no município de Marabá, no sudeste paraense. A investigação identificou que os acusados instalaram dispositivos que tornavam vulneráveis os sistemas informatizados da empresa vítima, a fim de obter acesso às assinaturas de funcionários necessárias para o acesso às contas bancárias.

Participaram da operação "Double Check", a Diretoria Estadual de Combate a Crimes Cibernéticos (Deccc) e o Núcleo de Apoio à Investigação de Marabá (NAI), junto Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos - DRCC da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

A delegada Maria de Fátima dos Santos, Titular da Divisão de Combate a Crimes Patrimoniais (DCEP-PCPA) , informou que a investigação identificou que foram feitas doze transferências para contas de "passagem", nas quais cada beneficiário recebeu cerca de R$ 500 mil. A Polícia estima que a fraude provocou um prejuízo financeiro na ordem de R$ 4 milhões.

Os trabalhos de investigação também identificaram que os integrantes da organização criminosa haviam aberto recentemente empresas de fachada, com o intuito de criar contas bancárias vinculadas a pessoas jurídicas, o que facilitou o recebimento e a rápida diluição dos valores, impedindo que os bancos promovessem o bloqueio das transferências. Com essa manobra, que ocultava o proveito criminoso, os investigados incidiram na prática delituosa de

lavagem de capitais.

"As polícias civis do país inteiro estão estreitando laços para combater crimes cibernéticos e a Polícia Civil do Pará está atuando e se atualizando as melhores técnicas disponíveis para combater esta prática e proteger os cidadãos." afirmou o delegado-geral da Polícia Civil, Walter Resende, reforçou a atuação da Polícia Civil no combate a crimes no Pará. Além das polícias civis do Pará e Distrito Federal, a operação também contou com a participação de equipes da Polícia Federal.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA