Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pai é preso acusado de estuprar a filha autista de 12 anos

Apesar de negar a acusação, foi confirmado que a vítima sofreu estupro, após passar pelo exame de conjunção carnal

O Liberal

Um homem identificado pelo nome de José Bonfim de Souza segue preso desde a última quinta-feira (10), na Delegacia de Polícia Civil de São Félix do Xingu, após denúncias de estupro, cometido contra a filha de 12 anos, que tem Transtorno do Espectro Autista (TEA). A Polícia Civil informou, por meio de nota, que o homem acusado pelo crime segue preso, à disposição do Poder Judiciário.

A operação de captura foi possível a partir de denúncias à equipe plantonista da Delegacia de Polícia, coordenada pelo delegado Ricard Ribeiro e concluída pelos investigadores Borges e Cardoso e pelo escrivão Pedro.

Apesar de negar a acusação de abuso, foi confirmado que a vítima sofreu estupro, após passar pelo exame de conjunção carnal, realizado no Centro de Perícias Científicas de Marabá.

José Bonfim de Souza foi autuado por estupro de vulnerável, de acordo com o artigo 217-A do Código Penal Brasileiro. A pena varia de 8 a 15 anos de prisão. Mas no caso específico, varia de 10 a 20 anos. A Polícia Civil (PC) pediu à Justiça a prisão preventiva do homem e o pedido foi concedido.

(Com informações do site Zé Dudu e da Polícia Civil)

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA