Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é preso por tentativa de homicídio em região de garimpo no Pará

Caso ocorreu na noite de quarta-feira (29). Acusado foi preso pela Polícia Militar e vítima segue internada em hospital de Novo Progresso

O Liberal

Uma tentativa de homicídio aconteceu na noite de quarta-feira (29), por volta de 21h30, na Garimpo Crepurizão, região garimpeira de Itaituba, sudoeste do Pará. Um homem identificado como Wesley Marlon Coelho, que havia sido atingido por três disparos de arma de fogo. O acusado de cometer o crime, identificado como Marcones Henrique da Conceição Silva, foi preso pela Polícia Militar. O caso foi registrado pelo 107º Posto Policial Destacado (107° PPD). As informações são do Portal Giro. 

Segundo informações, os policiais foram informados da ocorrência e seguiram para o local. No trajeto encontraram a vítima pedindo socorro e o conduziram para o posto de saúde local para receber os primeiros atendimentos. O homem foi atingido no pescoço, ombro direito e tórax, e precisou ser encaminhado para o Hospital Municipal da cidade de Novo Progresso, onde segue internado. 

Durante diligências a PM conseguiu localizar e prender Marcones Henrique, por volta de 23h, na 4ª rua do garimpo. O acusado estava desarmado e afirmou ter jogado a arma em um matagal da região. Buscas foram realizadas, mas o armamento não foi encontrado. O acusado foi conduzido para a 19ª Seccional de Polícia Civil de Itaituba, onde chegou na tarde desta quinta-feira (30), por volta das 13h.

Mirella Beatriz Quirino da Silva, esposa da vítima e testemunha do crime, também compareceu na delegacia. A mulher informou que o acusado efetuou os disparos na hora que o marido abriu a porta da residência do casal. Segundo ela, os dois homens trabalham juntos, mas ela não sabe o que motivou o crime.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA