logo jornal amazonia

Homem é preso com munições em operação que investiga esquema na Câmara de Canaã dos Carajás

A equipe policial encontrou 12 munições de arma de fogo, do tipo pistola, sem a devida autorização para a posse, motivo pelo qual o suspeito foi conduzido à Delegacia para lavratura de prisão em flagrante pela posse ilegal da munição

O Liberal

​Um homem foi preso na manhã desta quarta-feira (5) em posse de 12 munições de arma de fogo, do tipo pistola, no município de Canaã dos Carajás, sudeste do Pará. A prisão ocorreu durante a “Operação Espectro”, deflagrada pela Polícia Civil, por meio da Diretoria Estadual de Combate à Corrupção (DECOR), para investigar um esquema criminoso na Câmara de Vereadores de Canaã dos Carajás. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão.

Segundo a Polícia Civil, o esquema envolvia o cadastramento indevido de pessoas, sem que elas soubessem, como servidoras​​ públicas da Câmara. O pagamento era realizado em nomes dos “funcionários fantasmas”, com repasse do benefício para terceiros, configurando, assim, crime de peculato.

VEJA MAIS 

Paraenses presos em Portugal: confirmado o nome do 3º preso por tráfico internacional de drogas
O jovem é Nilson de Souza Castro Neto, conforme informaram fontes ligadas às autoridades portuguesas



Uma das vítimas, trabalhadora rural, teve seu Benefício de Prestação Continuada (BPC), que é conferido a pessoas idosas em situação de impossibilidade de participar de forma plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas, bloqueado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em razão do suposto recebimento de salários no valor de R$ 7 mil mensais, pago pela Câmara dos Vereadores.

No momento da busca na residência de um dos suspeitos, a equipe policial encontrou 12 munições de arma de fogo, do tipo pistola, sem a devida autorização para a posse, motivo pelo qual o suspeito foi conduzido à Delegacia para lavratura de prisão em flagrante pela posse ilegal da munição. As investigações prosseguem com o objetivo de levantar outras informações e identificar os envolvidos no esquema.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA