Homem é morto e mulher é presa em ação da PM para encerrar atividades de boca de fumo em Marituba

Dois adolescentes que estavam no local também foram apreendidos

No começo da manhã desta terça-feira (30), um homem foi morto em uma ação da Polícia Militar em Marituba, Região Metropolitana de Belém. Leandro Ferreira seria um traficante de drogas, e foi morto na ação que resultou ainda na prisão de uma mulher e na apreensão de dois adolescentes, bem como de várias substâncias ilícitas.

O 21º Batalhão de Polícia Militar (BPM) informou que o caso foi ao amanhecer, por volta das 5h30, durante rondas da operação "Saída Segura" em uma área de ocupação conhecida como "Vai Quem Quer" perto do residencial Viver Melhor. Os PMs contam que foram abordados por moradores que disseram que um homem armado estava vendendo drogas em uma rua ali perto. 

Chegando ao local da denúncia, os PMs alegam que foram recebidos a tiros por Leandro que, ao ver a viatura, fugiu correndo e disparando contra a guarnição. Na fuga, o homem entrou em uma casa onde estavam dois adolescentes e a jovem Jamile da Cunha Carvalho. Dentro da casa, teria ocorrido uma nova troca de tiros, onde Leandro foi ferido. Os policiais contam que levaram o rapaz à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Almira Gabriel, onde ele chegou sem vida.

Na casa, foram encontradas cento e sessenta e três envólucros de maconha; uma barra de aproximadamente cento e cinquenta gramas de maconha; sessenta e nove envólucros de oxi e materiais usados para fabricação das drogas. Uma pistola de calibre .40 foi achada com o suspeito morto, e assim como as drogas, os dois adolescentes e a mulher, tudo foi levado para a Delegacia de Polícia Civil, onde o caso foi registrado como morte por intervenção policial.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM POLÍCIA