Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Foragido da justiça é morto após reagir a cumprimento de mandado de prisão, em Curionópolis

Anderson de Souza Mota, vulgo "Andinho Mil Grau", era acusado de roubar um estabelecimento comercial em Marabá

Redação Integrada

Um homem identificado como Anderson de Souza Mota, vulgo "Andinho Mil Grau", foi morto durante troca de tiros com policiais no início da manhã desta sexta-feira (06), no município de Curionópolis, sudeste paraense. De acordo com informações da Polícia Civil, ele teria reagido ao cumprimento de um mandado de prisão preventiva expedido contra ele pelo roubo a um estabelecimento comercial na cidade de Marabá.

A polícia informou que recebeu informações de que "Andinho Mil Grau" estaria escondido no município de Curionópolis, na localidade de Serra Pelada, em local ermo de difícil acesso. Ele estava foragido desde que havia assaltado o estabelecimento "Tecla Celulares", em Marabá, ocasião em que ainda teria roubado a arma de fogo de um agente de segurança pública.

Os policiais se dirigiram ao local e encontraram o fugitivo, que ao receber voz de prisão, teria efetuado disparos de arma de fogo em direção aos policiais, que reagiram e atiraram contra ele. Anderson ainda chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Municipal de Curionópolis, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, foram apreendidos com a vítima armamentos e munições, que foram encaminhadas para os procedimentos cabíveis. O inquérito policial será instaurado na Delegacia de Polícia Civil para que os fatos sejam apurados.

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA