Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Estuprador é preso em Mosqueiro

Suspeito tinha um mandado de prisão preventiva contra ele

O Liberal

Policiais civis da Seccional de Mosqueiro, em Belém, prenderam um homem suspeito de estupro de vulnerável na ilha. O mandado de prisão preventiva foi cumprido nesta sexta-feira (30). O crime foi comprovado por exames.

O suspeito já vinha sendo investigado desde maio deste ano. A mãe da vítima procurou a delegacia e relatou o desaparecimento da filha dela. Dois dias após a denúncia, os policiais conseguiram localizar a vítima, que foi devidamente acompanhada e assistida.

Em cinco anos, mais de 260 crianças foram abusadas em Mosqueiro Subnotificação pode estar aliada à falta de aulas presenciais, já que escolas costumam identificar esses casos

Após ouvir algumas testemunhas, o suspeito foi identificado, rastreado e localizado. Os policias solicitaram todos os exames periciais e médicos que constatavam as suspeitas. A partir daí, o mandado de prisão preventiva do homem foi solicitado e cumprido.

Todos os procedimentos legais e periciais já foram feitos com o suspeito, que foi encaminhado à Seccional de Mosqueiro para os demais procedimentos. Já está preso e à disposição da Justiça. As investigações seguem.

Desde 2017, conselheiros tutelares de Mosqueiro têm lidado com constantes casos de abusos sexuais contra crianças e adolescentes, que, até maio deste ano, somam 261 ocorrências. E não há ideia do tamanho da subnotificação.

Em 2017, os conselheiros atenderam 74 crianças e adolescentes que foram abusados sexualmente. Em 2018, foram 72. Em 2019, foram 56. Já em 2020, uma provável subnotificação por conta da pandemia de covid-19 fez com que a média caísse para a metade, com 35 registros. Até maio deste ano, foram 24 casos, que representam 68.57% dos registros do ano anterior. A maioria das vítimas são meninas.

Já os dados oficialmente registrados pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) foram menores. De janeiro a maio deste ano, foram registradas nove ocorrências de abuso de vulnerável em Mosqueiro. No ano passado, de janeiro a dezembro, foram 32 ocorrências computadas e, em 2019, foram 17 ocorrências.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA