Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Corpo é visto boiando no Rio Tocantins, em Marabá

O Corpo de Bombeiros foi acionado e o cadáver foi resgatado no final da tarde

Tay Marquioro

Na manhã desta segunda-feira (27) um corpo, que aparentava ser de um homem adulto, foi visto boiando no Rio Tocantins, bem próximo à orla de Marabá, sudeste do Pará. Um vídeo registrado por populares está circulando nas redes sociais e mostra o momento exato em que o corpo passa flutuando pelas águas, no principal cartão postal da cidade. Ainda não há informações oficiais sobre a causa da morte.

VEJA MAIS

Tiro acidental mata adolescente de 13 anos em Marabá
De acordo com o relato policial, o adolescente foi morto quando o primo estava limpando a arma, do tipo cartucheira, e ela disparou acidentalmente

Feirante é executado com dois tiros ao sair de casa em Marabá
Ele estava indo trabalhar na feira do bairro Laranjeiras, no Núcleo Cidade Nova, quando um homem em uma motocicleta sacou a arma e efetuou os disparos

Vísceras encontradas no Rio Tocantins não são de corpo humano, conclui Polícia Científica
Havia suspeita do material ser de um menino de 3 anos desaparecido em Marabá, no sudeste paraense

Segundo informações de testemunhas, o corpo descia o Rio e chegou a bater em dois barcos pequenos até que desapareceu, próximo a um restaurante flutuante de grande porte. O Corpo de Bombeiros Militar do Pará chegou a ser acionado e as equipes trabalharam durante toda a manhã nas buscas pelo cadáver.

Segundo o Tenente Emílio, do 5º Grupamento Bombeiro Militar, nem as varreduras feitas com a ajuda de cordas por debaixo do flutuante na tentativa de içar o corpo tiveram sucesso e, por isso, chegou-se a cogitar acionar equipes de mergulhadores de Belém para auxiliar no trabalho. Entretanto, no final da tarde de hoje, o corpo foi resgatado debaixo do estabelecimento e as buscas encerradas. 

Até o fechamento desta matéria, não havia a confirmação de identidade da vítima. Na Polícia Civil, o caso chama atenção pelas poucas informações que se tem a respeito de como o corpo teria ido parar ali.

"O que impressiona é que não há relatos de pessoa adulta desaparecida, nem registro de alguém buscando por um parente ou conhecido. Pela proximidade do final de semana, o mais provável é que tenha sido um afogamento, mas até para se afirmar isto é necessário que o corpo seja submetido a necrópsia", afirmou o superintendente regional de Polícia Civil, delegado Vinícius Cardoso.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA