CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X
logo jornal amazonia

Corpo de homem desaparecido é encontrado em decomposição em São João da Ponta

O cadáver foi localizado em uma área de mata na agrovila São Francisco, na quinta-feira (16)

O Liberal

O corpo de um homem identificado como Raimundo José Oliveira dos Reis, de 53 anos, foi encontrado em estado de decomposição na quinta-feira (16/05) na agrovila São Francisco, zona rural do município de São João da Ponta, nordeste do Pará. Conforme as informações iniciais, a vítima estava desaparecida há cerca de uma semana em uma área de mata que fica atrás da residência onde morava. O corpo teria sinais de tortura que apontam um possível assassinato.

Populares localizaram o corpo e acionaram a Polícia Militar para verificar o caso. No local, os agentes se depararam com o cadáver, em avançado estado de decomposição. Além disso, a vítima estaria sem uma das mãos e com várias lesões.

Pessoas que conheciam Raimundo informaram que ele tinha o hábito de entrar na área de mata para cortar madeira e que sempre levava uma motosserra e uma motocicleta. Os agentes não localizaram a motosserra, mas a moto foi encontrada próximo a PA 375, na entrada do ramal que dá acesso a vila onde a vítima morava. O veículo estava no meio do mato, coberto por palha.

Ainda não há mais informações sobre o que poderia ter levado ao suposto homicídio de Raimundo. A Polícia Civil informou, por meio de nota, que equipes da delegacia de São João da Ponta solicitaram perícias para identificar a causa da morte. O corpo de Raimundo José Oliveira dos Reis foi encontrado em avançado estado de decomposição. Testemunhas são ouvidas para auxiliar nas investigações.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA