Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Corpo de homem com marcas de pancada na cabeça é encontrado no rio Itacaiúnas, em Marabá

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil

O Liberal

O corpo de um homem identificado apenas pelo prenome de Leonilson, conhecido como “Quetinho”, de idade desconhecida, foi encontrado boiando nas águas do rio Itacaiúnas, no bairro Amapá, em Marabá, sudeste paraense, no sábado (3). O Corpo de Bombeiros foi acionado e resgatou o cadáver, que apresentava marcas de pancada na cabeça. Em seguida, uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) removeu o corpo para a realização do exame de necropsia. Com informações do site Debate Carajás.

Homem é alvejado em plena luz do dia e morre no Balneário das Mangueiras, em Marabá
Segundo informações de testemunhas, os disparos teriam sido efetuados por dois homens em uma motocicleta

De acordo com a mãe da vítima, o rapaz saiu na noite desta sexta-feira (2) e não voltou para casa. Ainda segundo a mulher, “Quetinho” tinha problemas mentais, era uma pessoa tranquila e não se envolvia em confusões. Ele era residente do Núcleo São Félix.

Cabeleireiro é executado a tiros dentro de bar em Marabá; segundo homicídio no local em uma semana
O caso aconteceu na rua Q, no km 07, do Núcleo Nova Marabá. Gilson Carlos Silva Sodré, de 30 anos, morreu na hora

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil. Até o momento a polícia não divulgou maiores detalhes sobre o ocorrido. As equipes policiais realizam diligências, na tentativa de ouvir testemunhas e coletar mais informações acerca do que pode ter acontecido com o homem.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA