logo jornal amazonia

Casa de madeira fica totalmente destruída após incêndio no bairro da Guanabara, em Ananindeua

Segundo as autoridades, as chamas que atingiram o imóvel de dois andares já foram controladas

Saul Anjos
fonte

Uma casa de madeira de dois andares pegou fogo e ficou totalmente destruída, na tarde desta quarta-feira (29), por volta das 12h30, na Rua Magalhães Barata, que fica no bairro Guanabara, em Ananindeua, na Grande Belém. Segundo as autoridades, as chamas foram controladas pelos próprios moradores das imediações. A suspeita é de que um curto-circuito tenha iniciado o fogo, mas isso só será comprovado após avaliação da perícia. Ninguém se feriu.

Casa de madeira que pegou fogo no bairro de Guanabara, em Ananindeua

O pedreiro Dorival Jorge do Vale, de 64 anos, morava sozinho na casa devastada pelo incêndio, que acredita ter começado por um curto-circuito. Ele informou que estava no trabalho quando soube do que tinha acontecido. “Meu telefone tocou e o meu sobrinho disse: ‘tio, a sua casa está pegando fogo’. Perdi tudo. A minha geladeira era novinha”, disse ele. 

Silvia Cristiane estendia roupa quando avistou a fumaça e alertou os vizinhos. Ela é sobrinha de Dorival e mora bem próximo do tio. “Eu gritei que estava pegando fogo. Se eu não gritasse, ninguém ia ver. Só vi a fumaça preta. Todos os moradores saíram correndo (para ajudar)”, comenta. Ela acrescentou que, como Dorival perdeu tudo o que tinha, ele irá dormir na casa de familiares. 

Nas redes sociais, vídeos foram compartilhados e mostram a dimensão das chamas, além da mobilização da população em controlar o fogo. Graças aos residentes e ao Corpo de Bombeiros Militar do Pará (CBMPA), a casa de Ana Maria, 51, auxiliar de serviços gerais, não terminou da mesma forma que a de Dorival.  “Apenas parte das telhas da minha casa foram atingidas. Eu estava no serviço, moro sozinha. Vim correndo assim que me avisaram”, afirma. 

O tenente Luciano, do CBMPA, explica que o trabalho dos militares consistiu em fazer o “resfriamento do imóvel atingido pelo fogo e não deixar que ele propagasse para imóveis vizinhos”, além de realizar os trâmites legais. Ao todo, o Corpo de Bombeiros utilizou dois caminhões de combate à incêndio e um outro de busca e salvamento durante a ocorrência. 

Quem quiser ajudar Dorival pode entrar em contato com o número 98996-5138 e falar com ele. A redação integrada de O Liberal solicitou um posicionamento do caso ao CBMPA e à Prefeitura de Ananindeua

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Polícia
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA