Prefeitura pede interdição temporária do porto de Juruti para embarcações vindas do Amazonas

Em apenas três dias deste mês, número de internações de pacientes com covid-19 cresceu 75% em Juruti

Dilson Pimentel

Em apenas três dias deste mês, houve um aumento de 75% de internações de pacientes com covid-19 em Juruti, no oeste do Pará. No município, já são 93 os óbitos causados pelo novo coronavírus. Por isso, a prefeita de Juruti, Lucidia Benitah de Abreu Batista, encaminhou ofício ao governador Helder Barbalho relatando essa situação e solicitando algumas providências. Ela pede a interdição temporária do porto do município de Juruti.

Segundo ela, os três últimos boletins epidemiológicos atestam que aquele aumento no número de internações ocorreu nos dias 7,8 e 9 deste mês de janeiro. “Devido à patente ausência de estrutura hospitalar, este município está impossibilitado em realizar um combate de qualidade e eficácia no tocante à disseminação do covid”, escreveu a prefeita no documento, datado do dia 9 de janeiro.

Nesse contexto, a prefeitura afirmou que não se “verifica alternativa mais plausível e acertada deste município senão solicitar a interdição temporária do porto do município de Juruti, “no que tange os transportes marítimos, comerciais e particulares oriundos do estado do Amazonas, na medida em que se observa o crescimento das infecções decorre, exatamente, dos passageiros que têm como origem as cidades do Estado aqui citado”.

Juruti pede aumento do efetivo da PM contra covid-19


A prefeita de Juruti, Lucidia Benitah de Abreu Batista, também pede ao governador que determine o crescimento do contingente da Polícia Militar no município, “para guarnecer a população acerca da fiscalização e combate aos regramentos impostos à pandemia do novo coronavírus”.

A prefeita informou que o atual efetivo da corporação “é insuficiente para atender a necessidade enfrentada pelo município”.

Lucidia Benitah também pede que o governador determine o “encaminhamento dos 5 kits-Uti-Covid do estado que se encontram no Hospital 9 de Abril para o Hospital Municipal, tendo em vista a necessidade de suas utilizações para o município no combate à da pandemia da covid e que, inclusive, seja ainda determinado que o Hospital 9 de Abril repasse ao Hospital Municipal o kit de álcool em gel e máscara”.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ