Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Paraense que recebeu coração de Eloá Pimentel em 2008 morre de Covid

Maria Augusta estava internada em Parauapebas e não resistiu às complicações do vírus

Redação Integrada com informações do UOL

Morreu nesta semana, vítima de complicações da Covid-19, Maria Augusta dos Anjos, de 51 anos, que, em 2008, recebeu o coração transplantado de Eloá Pimentel, feita refém e morta pelo ex-namorado Lindemberg Fernandes, em São Paulo.

A notícia foi confirmada por Jeanne Carla Rodrigues, 39, sobrinha de Maria Augusta. De acordo com ela, a tia estava internada no Hospital Santa Terezinha, em Parauapebas, e não resistiu ao vírus.

"Ela já era grupo de risco e há mais ou menos um ano vinha apresentando piora renal em decorrência dos remédios do transplante. Ela tinha que fazer exames com frequência, então não sabemos se ela pegou covid em uma das consultas e exames ou de algum familiar", informou a sobrinha. 

Augusta estava em tratamento há cerca de um mês.

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ