Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Cresce o número de adeptos da corrida de rua em Castanhal

Para ser um corredor de rua é necessário ter disposição e força de vontade para dar os primeiros passos

Patrícia Baía

Vamos começar listando alguns benefícios que a corrida agrega ao praticante: melhora o sono, diminui a tensão e o estresse, previne a osteoporose, ajuda a controlar o colesterol, aumenta a autoestima, é aliada na redução de gordura corporal e combate a depressão.

Se você que está lendo esta reportagem e está pensando em aderir a essa prática esportiva, já tem bons motivos para ir em frente e fazer parte de um número crescente de corredores de rua, em Castanhal.

Para ser um corredor de rua é necessário ter disposição e força de vontade para dar os primeiros passos.

De acordo com o personal trainer, Júnior Meneses, em Castanhal já são mais de 400 corredores engrossando o movimento de corrida de rua que cresce em todas as cidades do país. “Moro há 5 anos em Castanhal e quando cheguei já existiam uns 5 grupos de corrida e assessoria esportiva, e hoje eu também tenho meu grupo e quando a gente organiza eventos de corrida de rua se inscrevem normalmente 400 participantes”, disse Jr. Meneses.

Eventos de corrida de rua reúnem participantes fieis na modalidade (Ivaldo Miranda/ Especial para O Liberal)

No grupo de assessoria esportiva do personal Jr. Meneses, tem atletas de 13 a 73 anos de idade, mas mesmo com todos os benefícios e parecendo que é algo simples de se fazer, é necessário tomar alguns cuidados antes de começar a sair correndo por aí. 

“O importante é ter sempre a orientação de um profissional de educação física habilitado para lhe dá as coordenadas e correções sobre a atividade. Até mesmo o tênis tem que ser de acordo com seu objetivo, peso, ritmo médio, distância percorrida e o tipo de piso que você prefere praticar a atividade. Por isso que eu digo que não é só sair correndo”, explicou o personal.

A alimentação do corredor também deve ser levada em conta. A orientação de um nutricionista antes de iniciar no esporte é fundamental. “Essa orientação com o profissional de nutrição é super importante. O atleta tem que ter um pré treino e um pós treino. E não pode descuidar da hidratação durante a atividade”, explicou o personal.

Histórias de superação

A dona de casa, Maria de Lourdes Moraes, de 47anos, começou a correr para perder peso, em 2019 quando tinha acabado de ser mãe. O pós gravidez a deixou com 82 quilos. “Hoje eu tenho 64 quilos e uma história de superação. Eu corria um pedacinho só e hoje participa da Corrida do Sal, da Corrida do Círio e outas provas que aparecerem. Faço dez quilômetros em 45 minutos”, contou a corredora.

VEJA MAIS

Projeto da UFPA orienta a população de Castanhal para guarda responsável de cães e gatos
O bem-estar e a saúde de animais são direitos que devem ser respeitados e garantidos

Macapazinho: Comunidade ansiosa para homenagear a padroeira
A agrovila de Macapazinho, uma comunidade Quilombola, localizada a 15 km do centro de Castanhal, se prepara para realizar a principal festa religiosa da comunidade

De professora a quituteira: reinvenção saborosa em tempos de pandemia
Capricho e carinho são as marcas dos quitutes da professora Telma que viu nos doces a oportunidade de realizar sonhos

Maria Helena Dias, de 45 anos, corre a pouco mais de cinco meses. Tempo suficiente para já ter mudado de vida. A arquiteta estava fazendo tratamento de depressão desde o começo da pandemia, mas não sentia melhora, mas foi correndo que a mudança veio. “Eu não tinha vontade de nada e um dia resolvi caminhar porque estava me sentindo feia e acima do peso. E nessas caminhadas eu comecei a sentir vontade decorrer e comecei a correr para a vida. Procurei orientação de um profissional que me acompanhava no começo e agora já me sinto muito bem. A depressão ficou pra trás”, contou Maria Helena.

 

Pará
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM PARÁ

MAIS LIDAS EM PARÁ