Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem produz arma em impressora 3D e acaba condenado

Réu chegou a dizer que a arma foi fabricada para um projeto de faculdade

Redação Integrada de O Liberal com informações do Extra

Tendai Muswere é o primeiro homem na Inglaterra a ir para a cadeia pelo crime de impressão de arma em impressora 3D. Ele deve ficar preso por três anos.

O réu de 26 anos foi condenado após ter produzido uma arma de fogo capaz de matar, a partir de uma impressora 3D, com a adição de cano de aço.

A arma foi encontrada durante buscas, em 2017, de drogas em seu apartamento, na área central de Londres. Tendai argumentou com os detetives que a arma foi fabricada para um projeto de faculdade.

Investigadores descobriram que o jovem havia pesquisado na internet como fabricar uma arma. A polícia informou ainda que Tendai acoplava "tubos de aços" nas armas para que pudessem disparar.

Diante do caso, das provas, Tendai foi considerado culpado pela corte de SouthMark Crown, nessa quinta-feira (19).

"Muswere afirmou que estava imprimindo as armas de fogo para um projeto de cinema universitário 'distópico', mas não explicou por que incluiu os componentes necessários para fazer uma arma letal de cano", disse o sargento-detetive Jonathan Roberts, por meio de nota divulgada pela polícia.

"Sabemos que ele estava planejando alinhar as armas de fogo impressas com tubos de aço para fazer um cano capaz de atirar", completa o comunicado da polícia.

Palavras-chave

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO