Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Covid-19: Austrália registra mais de 5 mil internações por infecção nesta segunda (25)

O número diário de mortes também aumentou, chegando a 100, pela primeira vez, no último sábado (23)

Luciana Carvalho

Nesta segunda-feira (25), o número de australianos internados em hospitais com covid-19 atingiu um recorde de cerca de 5.450, constataram os dados oficiais, à medida que a disseminação de novas subvariantes, altamente contagiosas da Ômicron, sobrecarrega o sistema de saúde em todo o país. As informações são da Agência Brasil.

O número de pessoas em hospitais é o mais alto desde o surgimento do novo coronavírus, superando a taxa de 5.390 de janeiro durante a primeira onda de infecções pela Ômicron. O número diário de mortes também aumentou, chegando a 100, pela primeira vez, no último sábado (23).

O índice cresceu desde o final de junho, quando as cepas BA.4 e BA.5 se tornaram dominantes, uma vez que podem escapar da proteção imunológica, seja por vacinação ou infecção anterior, enquanto alguns especialistas dizem que a última pode ser tão infecciosa quanto o sarampo.

VEJA MAIS

Covid-19: Belém e região metropolitana aplicam 4º dose da vacina a partir desta segunda (25)
Veja onde e em que horários encontrar as doses na capital, Ananindeua e em Marituba

Castanhal inicia a vacinação de crianças de 3 a 5 anos contra a Covid
Criança com sintoma de síndrome gripal não pode tomar a vacina

Ananindeua começa a vacinar contra a covid-19 pessoas com 30 anos ou mais
São mais de 30 pontos de vacinação disponíveis no município

Segundo o governo Australiano, mais de mil lares de idosos sofreram surtos. Com vários centros de assistência a idosos lutando contra a falta de funcionários, o apoio do pessoal de defesa em tais instalações deve ser estendido até o final de setembro, disse o ministro da Defesa, Richard Marles.

"É uma medida extrema e é correto descrevê-la assim", afirmou ele à televisão ABC. "Dado o número de surtos que temos agora, esta é a coisa certa a fazer."

Muitos trabalhadores da linha de frente em hospitais também estão doentes ou isolados, agravando a crise da saúde.

(Luciana Carvalho, estagiária da Redação sob supervisão de Keila Ferreira, Coordenadora do Núcleo de Política).

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO