Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Remo faz acordo com Eduardo Ramos na Justiça e terá que pagar R$100 mil ao jogador

Advogado do Remo afirma que o valor foi revisto e que chegaram a um acordo nesta segunda-feira

Fabio Will

Após pedir R$299 mil do Remo na justiça trabalhista, o meia Eduardo Ramos chegou a um acordo com o Remo nesta segunda-feira (10), na 16ª Vara do Trabalho, em Belém. O meia irá receber R$100 mil do clube azulino; A informação foi confirmada pelo advogado do Remo, André Serrão.

LEIA MAIS
> Advogado de Eduardo Ramos detalha acordo com o Remo e discorda de advogado azulino

 

Eduardo Ramos cobrava férias, décimos terceiros salários referentes aos anos de 2019, 2020 e 2021, além de salários atrasados de novembro e dezembro de 2020 e multa sobre a nulidade do contrato de imagem. O advogado do Remo, André Serrão, conversou com a equipe de OLiberal e informou que os cálculos foram revistos pelo clube e que o valor do débito do Remo seria de R$100 mil.

“O atleta pedia o valor de R$299 mil. Analisamos os cálculos e constatamos que o que de fato era devido o valor de R$100 mil. Após conversa na audiência, o advogado do atleta reconheceu que os nossos cálculos eram o que realmente o que era devido e fizemos o acordo”, disse, André Serrão, advogado azulino.

O pagamento do meia será feito através da 16ª Vara do Trabalho de Belém, que realiza as execuções de processos contar o Remo.

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM REMO

MAIS LIDAS EM ESPORTES