Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Remo deve ter prejuízo de ao menos R$ 7 milhões com a queda para a Série C

Clube vai precisar se reestruturar financeiramente após rebaixamento

O Liberal

O rebaixamento do Remo para a Série C, além da questão moral, também vai prejudicar os cofres do clube. Os clubes que estão na Série B recebem uma generosa quantia pelo direito de transmissão do campeonato, ganhando R$ 6 milhões só da emissora que faz os jogos. Além disso, vai perder grana por causa dos jogos a menos que fará em 2022.

Na Série B deste ano, o Leão fez 19 partidas em casa. Em um dos jogos teve o lucro de R$ 100 mil. Com 10 jogos a menos, ficaria sem R$ 1 milhão, se levar em conta o valor de lucro de uma das partidas com torcida. Ou seja, seriam R$ 7 milhões a menos somando os direitos de transmissão e os jogos que o clube não vai mais fazer. 

Na Série C não há uma quantia pelos direitos de transmissão e são apenas 9 jogos em casa. Inclusive, a terceira divisão ainda está com uma incerteza em relação a transmissão dos jogos, pois não possui, no momento, emissora responsável por mostrar os jogos.  

Neste ano, os clubes da Série C chegaram a pedir recursos para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), mas a entidade negou, alegando que bancava toda a logística da competição.

Além do dinheiro da transmissão, o Remo também pode perder patrocínios. A Série B do Campeonato Brasileiro é uma competição atrativa e televisionada, o que sempre atrai as empresas. Mas não é possível mensurar qual seria esse valor.

O clube vai precisar ainda ajustar o elenco. A faixa salarial do Remo na Série B era entorno de R$ 800 mil. No entanto, com a queda para a Série C, vai precisar diminuir, já que não contará com o mesmo aporte financeiro deste ano.

Agora, o Remo terá que esperar para saber quanto será pago aos clubes no estadual. A solução também é tentar chegar à final da Copa Verde e conseguir o título inédito. Se for campeão do torneio regional, além dos R$ 150 mil e um automóvel de premiação, também entra na terceira fase da Copa do Brasil. O time que entra nessa fase da competição recebe R$ 1,7 milhão.

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM REMO

MAIS LIDAS EM ESPORTES