Meia é apresentado pelo Remo e diz estar pronto para jogar contra o Ypiranga-RS

Guilherme Garré está treinando há uma semana no Baenão e foi apresentado nesta terça-feira. Ele é uma opção para o meio-campo azulino no jogo contra o time gaúcho

Andreia Espírito Santo

Após o treino do Remo no Baenão, nesta terça-feira, o meia Guilherme Garré foi apresentado para a imprensa. O jogador de 26 anos veio do Santo André-SP, onde conquistou o título da Série A2 do Paulistão e se diz pronto para estrear contra o Ypiranga-RS.

"Sem dúvida, estou preparado. Não parei. Estava treinando. Se precisar, estou pronto. É uma equipe boa. As peças que chegaram vieram para somar. E eu estou aqui para isso. Se for pra eu jogar, é com o treinador. Mas estou preparado", garantiu. 

"No meu ponto de vista, foi uma participação muito boa (no Campeonato Paulista Série A2). Joguei na equipe (Santo André) para conquistar o acesso e fomos coroados com o título. Se eu não me engano, só não joguei três partidas. Agora já foi. Estou com a cabeça no Remo e vamos conquistar os objetivos nesta competição", comenta o Garré. O jogador é considerado um importante reforço para o Clube do Remo, que esperou o fim da competição paulista para a chegada do meia.

Após o treino no Baenão, Garré foi apresentado (Samara Miranda/ Ascom Remo)

O jogador ainda destacou as características que o fizeram chamar a atenção do time paraense: "Sou um jogador de muita mobilidade. Veloz, com passe bom. Finalizo também. Tem que finalizar, né? Vão ver um Garré que não desiste, que vai lutar por todas as bolas."

O meia garante ter experiência e dois fatores influenciaram na vinda dele para o Remo.  "Em 2016, consegui o acesso da Série D para a Série C pelo São Bento. Sou novo, mas tudo que já vivenciei no futebol fez eu ter nome para vir jogar em um grande time que é o Remo. A torcida e o nome do Remo foram cruciais para eu vir para cá", completou. 

Garré pode estrear contra o Ypiranga-RS na próxima segunda-feira (20). Ano passado, quando esteve no Botafogo-SP, ele jogou contra o time gaúcho e disse que o Remo precisa ficar atento nesta partida. "Conheço o Ypiranga. Joguei contra eles no ano passado. É um equipe muito forte. Vão impor o ritmo deles. Vamos ver o que o professor (Márcio Fernandes) vai passar, mas precisamos ser cuidadosos para não errar", afirmou. 

O Remo enfrenta o Ypiranga-RS no dia 20, segunda-feira, às 20 horas, no Mangueirão. A partida é válida pela quarta rodada da Série C e vai ter transmissão no lance a lance de OLiberal.com

Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!