Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Com gol de Nicolas, Paysandu vence o primeiro jogo na Série C e deixa o Treze em situação complicada

O Papão fez um primeiro tempo ruim, melhorou no segundo e conseguiu o bom resultado na competição nacional

Andreia Espírito Santo

O Paysandu venceu o primeiro jogo na Série C. Após um primeiro tempo sem qualquer chance de gol, o time bicolor se ajustou e venceu o Treze por 1 a 0, na Curuzu, na noite deste sábado (22), pela terceira rodada da competição. O gol foi marcado por Nicolas, aos 33 minutos, do segundo tempo.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DA PARTIDA

Com o resultado, o time bicolor pulou para a quarta posição no grupo A da Série C, somando quatro pontos. Agora, o time bicolor terá uma semana até o próximo jogo da Série C que será contra o Manaus, no sábado (29), na Arena da Amazônia.

Já o Treze segue sem pontuar na competição e vai enfrentar o Ferroviário na próxima rodada.  

VEJA COMO FOI A PARTIDA NO LANCE A LANCE DE OLIBERAL

Dificuldade de Criação

O Paysandu encontrou muita dificuldade para criar jogadas no primeiro tempo e não deu nenhum chute ao gol. O Treze estava bem encaixado e fez uma marcação alta no time bicolor. Quando o Paysandu tinha posse de bola, não era produtiva. O meio-campo não criava e tentava ligação direta, o que acabava não envolvendo os jogadores.

Pressão do Treze

O Treze foi quem mais pressionou e aproveitava os erros do Paysandu. Aos 9 minutos, Uchôa recuou de maneira repentina, Gabriel Leite, que estava adiantado, cabeceou para tirar a velocidade da bola e quase ela vai pro fundo da rede. Antes, Léo Pereira tentou marcar para o Treze de fora da área e Gabriel Leite tirou de manchete.

Desperdiça o Treze

Na reta final da primeira etapa, o Treze ainda teve chance com uma bola parada. No cruzamento fechado de Douglas, Nilson Júnior apareceu livre para o cabecear, mas mandou pra fora.

Melhora do Paysandu

O Paysandu se ajustou na segunda etapa. Os jogadores passaram a se movimentar mais e criar alternativas para superar o problema do meio-campo. Foi assim que Vinícius Leite, aos 4 minutos, chutou pela primeira vez para o gol do Treze. A bola passou raspando na trave. Depois, PH soltou um petardo de fora da área. Paulo Wanzeler estava bem colocado e encaixou.

Em outra oportunidade, Diego Matos avançou em velocidade pelo lado esquerdo e cruzou à área. Nicolas recebe e desvia a bola para fora.

Treze com menos um

Já o Treze tentava se organiza para evitar as investidas do time alviceleste. E aos 20 minutos a situação paraibano complicou. Alexandre Santana acabou batendo nas coxas de Vinícius Leite com a trava da chuteira e levou vermelho direto. O técnico Moacir Junior precisou recompor o time.

Pressão alviceleste e gol

Mas ainda assim o Paysandu seguia melhor e quase o Uilliam Barros abriu o placar. Ele recebeu na área e chutou com força para o gol. Mas Paulo Wanzeler defendeu. Até que aos 33, Micael mandou para área e Nicolas, de cabeça, abriu o placar na Curuzu. Foi o primeiro gol de Nicolas na Série C 2020 e o 11º na temporada do artilheiro bicolor. 

Quase o segundo

O Treze sentiu a expulsão e viu o Paysandu quase fazer o segundo na Curuzu. A jogada começou em cobrança de falta. O estreante Juninho recebeu e bateu colocado. Mas Paulo Wanzeler conseguiu defender.

E a partida terminou 1 a 0 para o Paysandu, que venceu a primeira na Série C.

FICHA TÉCNICA 

Paysandu x Treze (PB)

Terceira rodada da Série C

Data, horário, local: Sábado (22), na Curuzu

Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (CBF/TO)

Auxiliares: Samuel Smith Nobrega Silva (CBF/TO) e Washington Sousa Monteiro (CBF/TO)

Quarto árbitro: Olivaldo Jose Alves Moraes (CBF/PA)

Cartão Amarelo: Netinho (Paysandu); Tales, Breno Calixto, Edson Carioca (Treze)

Cartão Vermelho: Alexandre Santana

Gol: Nicolas (33’/2ºT)

Paysandu - Gabriel Leite, Netinho (Caique Oliveira), Perema, Micael, Diego Matos; Uchôa, PH (Alan Calbergue) e Luiz Felipe (Juninho); Mateus Anderson (Uilliam Barros), Vinícius Leite (Alex Maranhão) e Nicolas. 

Treinador: Hélio dos Anjos.

Treze - Paulo Wanzeler, Léo Pereira, Breno Calixto, Nilson Júnior e Gilmar; Robson Luiz (Caxito), Vinícius Barba (Alisson Cassiano), Alexandre Santana e Douglas Lima (Rezende); Tales (Edson Carioca) e Frontini (Ermínio). 

Treinador: Moacir Júnior.

 

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES