Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

No duelo dos técnicos, Márcio Fernandes e Paulo Bonamigo disputam título estadual inédito nos clubes

Márcio Fernandes já foi campeão paraense como jogador, enquanto Bonamigo acumula dois acessos com o Leão Azul. Ambos, no entanto, não possuem estadual paraense nos seus currículos

Luiz Guilherme Ramos

A partida de logo mais vai celebrar o Campeão Paraense da temporada. Muito importante para os atletas, a taça Estrela do Norte também vai consolidar o trabalho dos técnicos, as figuras por trás de todo desempenho até aqui. Entre Paulo Bonamigo, pelo lado azulino, e Márcio Fernandes, as coincidências e objetivos em comum tornam a decisão um ponto importante na trajetória de ambos como técnico de futebol. 

Até aqui, entre eles, o único a sentir o gosto de gritar ‘É campeão!’ pertence ao comandante bicolor, mas dentro das quatro linhas. Márcio Fernandes defendeu o bicolor paraense nos anos de 1980 e 1981, quando o Paysandu conquistou o bicampeonato paraense. No entanto, na já respeitada trajetória no clube, ainda falta o título de campeão na função de treinador. 

“Eu tive a oportunidade de ser bicampeão em 1980 e 81. Campeão como jogador, além de ter tido a oportunidade de ser campeão como técnico do Remo. Agora, no entanto, estou lutando por esse título como treinador do Paysandu. Dentro do clube seria um grande feito. Sei das dificuldades que vou enfrentar, mas o objetivo é esse”, lembra. 

Se falta para Fernandes a taça como técnico, Bonamigo também anda atrás da cobiçada. O técnico azulino é grande conhecedor do Clube do Remo, está na sua terceira passagem pelo comando técnico e já conseguiu dois acessos (Série A de 2000 e outro para Série B  de 2021), entretanto, para coroar a boa fase, falta o caneco do estadual. 

“Por mais que eu tenha passagens boas no Remo, nós perdemos uma Copa Verde (2020), não consegui terminar a Série C (2020) por conta da covid então o desejo de conquista é muito grande, pois sabemos que a vitória atrai vitória e o título, principalmente pelo que representa esse ano, de buscar o acesso. Isso daria uma alegria a todos, uma força mental ao grupo enorme e todos estão se empenhando ao máximo por essa conquista”, resume o comandante.

Paysandu
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM PAYSANDU

MAIS LIDAS EM ESPORTES