Brasil supera o Paraguai por 66 a 10 no Rugby XV

Tupis venceram o tradicional rival por placar elástico, em partida válida pela primeira rodada do Sul-Americano 6 Naciones

Lance!

A seleção brasileira masculino de Rugby XV começou de forma excepcional a defesa do título do Sul-Americano 6 Naciones. Jogando a primeira rodada neste sábado (11), fora de casa, em Assunção, os Tupis venceram o Paraguai por 66 a 10, a maior diferença de pontos na história do confronto a favor dos brasileiros. Com o resultado, o Brasil aparece em segundo lugar na classificação, atrás da Argentina XV, que venceu a Colômbia por 79 a 3.

O jogo mostrou a grande evolução dos Tupis na questão física, dominando o adversário do início ao fim. O primeiro try brasileiro veio com pouco mais de dez minutos, após scrum e penal try. Na sequência, Buda tirou proveito de outro scrum próximo ao ingoal paraguaio para ampliar a vantagem. De Wet marcou o terceiro e o quarto tries dos Tupis e Maranhão fechou o placar do primeiro tempo em 33 a 0 para o Brasil.

Já no segundo tempo, Maranhão fez seu segundo no jogo e Brasil abriu ainda mais vantagem com outro try penal de scrum. O Paraguai esboçou uma reação e marcou dois tries, com Argaña e Bravo, mas logo os Tupis voltaram a ampliar a vantagem, novamente com Maranhão e com Ilha, fechando o placar em 66 a 10 para o Brasil.

A vitória elástica deu moral aos brasileiros, que agora se preparam para o primeiro jogo em casa. A partida contra o Uruguai XV será realizada neste sábado, 18 de maio, às 16 horas, no Estádio José Liberatti, em Osasco, na grande São Paulo. A partida é válida pela segunda rodada do Sul-Americano 6 Naciones 2019. O estádio foi escolhido pela proximidade com São Paulo, pela boa estrutura e facilidade de acesso.

Yaras em 12º lugar no Mundial de Sevens 

O fim de semana também teve muito rugby feminino, com as Yaras participando como convidadas da etapa de Langford, da World Rugby Women’s Sevens Series, a Série Mundial de Sevens. Apesar do 12º lugar, as brasileiras foram exaltadas pela World Rugby, que destacou em suas redes sociais dois vídeos com tries do Brasil.

"O rugby está crescendo no Brasil e esse torneio ajuda a mostrarmos a mais pessoas que não temos só o futebol no País, temos sim outro esporte", disse Raquel Kochhann, após a participação brasileira.

Jogando diante das melhores equipes do mundo, o Brasil teve dificuldades para impor seu jogo, e acabou derrotado pelo Canadá (38 a 7), Austrália (43 a 7) e Irlanda (32 a 7), no primeiro dia, e por Fiji (32 a 14) e Irlanda (43 a 7), novamente, no segundo dia.

Após a conquista da vaga na elite do torneio na próxima temporada e do 15º Sul-Americano consecutivo, a etapa de Langford serviu para as Yaras se prepararem para o Torneio Qualificatório para Jogos Olímpicos Tóquio 2020 e para Pan-Americano de Lima 2019, os próximos desafios do time.

Mais Esportes